StatCtr

Thursday, November 14, 2013

LIVRO IV - Capítulo XIV - Christian e Anastasia Fan Fiction

LIVRO IV

CAPÍTULO XIV

Tradução: Neusa Reis



Gail

"Jason, você vai dar hoje ao Sr. Grey um convite para nosso casamento?" Pergunto levantando minha cabeça de seus braços.

"Baby, ele é o nosso chefe! Eu não quero sentir como se eu estivesse trabalhando no dia do nosso casamento!" Taylor geme em resposta.  

"Querido, isso teria sido verdade no ano passado, mas ele está muito mudado desde que Ana entrou em sua vida."

"Bem, sim..." Taylor sorri com um sorriso raro que ele só oferece para mim. "Eu ainda não sei."

"Vamos Jason, você de todas as pessoas deveria admitir isso. Ana é a primeira garota normal que o Sr. Grey já teve em sua vida. Primeira garota que o fez abrir um sorriso genuíno, primeira garota que o fez feliz... você sabe feliz como em real felicidade e apaixonado. Eu até rezei para que isto funcionasse para ambos. Eu realmente não quero que ele volte para sua maneira de viver sem emoção, apática, atrofiada, se você pode chamar isso de vida. Ainda estou tendo um tempo difícil com Leila cortando os pulsos, tentando o suicídio. Eu não poderia mesmo..." Eu balanço minha cabeça. Um arrepio percorre meu corpo. Eu sempre soube que o Sr. Grey tinha um bom coração nele. Mulheres são atraídas por sua excepcional beleza e seu dinheiro. Dinheiro, quantias exorbitantes de dinheiro, especialmente como o Sr. Grey possui, atraem as mulheres para os homens que são gordos, carecas, desagradável ou até mesmo mal respirando ou com suporte de vida. Quando o homem que está na posse do dinheiro é tão bonito como o Sr. Grey, os abutres estão sempre circulando. O que Elisabeth Bennett disse nas linhas de abertura de Orgulho e Preconceito? " É uma verdade universalmente conhecida que um homem solteiro na posse de uma boa fortuna, deve estar procurando uma esposa. Por pouco que os sentimentos ou as opiniões deste homem sejam conhecidos ao se fixar numa nova localidade, essa verdade se encontra de tal modo impressa nos espíritos das famílias vizinhas ao rapaz, que ele é considerado como legítima propriedade de uma ou outra das suas filhas."A noção de conseguir um homem rico, de preferência bonito não é nada nova. É claro que nenhuma mulher nunca tinha amado o Sr. Grey tanto ou se importado com ele, como a Sra. Grey. Quem pode explicar o amor e como ele rouba o coração e a mente de alguém? Sr. Grey sempre foi diferente para Ana. Ela é a mulher que conseguiu tirá-lo do pesadelo que eram os demônios do passado do Sr. Grey; um feito que seus pais amorosos ou seus muito caros psiquiatras  não tinham conseguido ao longo dos anos.

Eu simplesmente adoro Ana, não só porque ela é tão normal e sem  pretensões, mas sua beleza interior é refletida do lado de fora. Ela era dolorosamente tímida, e completamente alheia à sua própria beleza. Houve garotas que passaram por este apartamento que souberam manejar a metade do que Ana conseguiu tão habilidosamente para alcançar seu objetivo final; obter o Sr. Grey no longo prazo. Ele nunca esteve interessado na idéia de longo prazo. Não até Ana. A única coisa que era de longo prazo para ele era sua empresa, seu estilo de vida, e seus pais, talvez alguns de seus funcionários. Taylor, eu, Ros, Andrea e Barney.

 Nós trabalhamos para o homem; o chefe indomável que conhecemos como o Sr. Christian Grey. Ana adora o homem-criança dentro dele, mesmo se ela ficar furiosamente brava com ele. Ela realmente tem o Sr. Grey no meio da palma da mão. Ela poderia facilmente esmagá-lo e destruí-lo se ela assim o tivesse desejado. Quase aconteceu, entretanto, insuportavelmente doloroso, quando ela foi sequestrada e espancada. O Sr. Grey pensou que ela poderia perder o bebê e morrer. Ele não tinha certeza se ela estava realmente indo deixá-lo. Eu nunca vi ninguém tão apavorado. Esses dois estão destinados a ficar juntos. Taylor me puxa em seus braços, me trazendo de volta para aqui e agora.

"Eu sinto muito querida. Ainda estou bravo pra cacete com ele pelo incidente de Leila! "

"Jason, esta é a vida dele!" Eu o repreendo. "Leila era responsável por suas próprias ações. Se ela e o Sr. Grey tivessem terminado só há pouco tempo, o que ela fez poderia fazer sentido. Mas, fazia dois anos e meio, quando ela veio para cá e abriu as veias diante de mim. Mesmo que ela possa ter tido um surto psicótico, eu acho que ela estava simplesmente com ciúmes de Ana tomando um lugar permanente em sua vida," eu digo e meu homem que viu seus homens serem mortos e explodidos e recolheu seus corpos dos campos de batalha, realmente, estremece.

"Você ainda tem pesadelos, baby! Ela causou angústia em você e Leila é o erro dele!"  Diz ele, enquanto me segura apertado.

"Jason, o que Leila fez foi apenas um choque. Passamos por incidentes piores. Ver a Sra. Grey em um estado de quase morte eu acho que me afetou mais do que Leila."

"Eu sei,” sussurra Jason sombriamente. "Foi um dos piores dias da minha vida,” ele balança a cabeça.

"Da minha também," eu sussurro de volta. Eu não quero que ele esteja ainda bravo com o Sr. Grey pelas ações de Leila. Ele pediu desculpas para Jason e eu, chocando-nos a ambos,  quando eles me acharam completamente abalada. Mas Jason, sem aceitar o pedido de desculpas de seu patrão, sem palavras me segurou e me levou. Tentando mudar o seu humor, eu mudo de volta ao tópico Leila. "De qualquer forma, eu discordo. Além disso," eu digo, sem perder uma batida, "eu tenho que pensar muito depois disso. Cheguei a conclusão que descrever Leila como uma menina travessa seria muito leve; ela é enganosa e sua capacidade de manipular está apenas atrás da Sra. Lincoln. Ela deu mais agonia ao Sr. Grey e Ana do que ela deu para mim."

"Eu não estou bravo com ele por ter fodido mulheres em sua vida. As pessoas tendem a procurar parceiros como elas. Mas a garota Williams era manipuladora e estava completamente obcecada por ele. O Sr. Grey era incapaz de ver o nariz na frente de seu rosto, então. Ele deveria ter cuidado desse problema. Ele claramente não poupa dinheiro para seu cuidado agora. Que deveria ter sido aplicado naquela ocasião, então. "

"Como ele poderia saber? Ela saiu por sua própria vontade, quando ele não quis ter um relacionamento permanente. Além disso, Jason, você teve um mau relacionamento que acabou em divórcio. Não importa quantos antecedentes ele pode pedir a alguém, é difícil conhecê-las, até viver com elas."

"Eu sei disso, baby... A parte racional do meu cérebro sabe disso. Mas o amante irracional e seu futuro marido em mim ainda estão com raiva,” Jason responde rispidamente e derrete meu coração.

"Querido, você não precisa se preocupar com isso por mais tempo. Estou curiosa sobre algo que pensei... Por que você acha que Leila durou mais tempo que as outras?"

"Acho que ela imaginou que, se fizesse tudo o que ele pedisse, ao pé da letra, ela seria um elemento permanente em sua vida, como aquelas pinturas da Madonna".

"A única outra mulher que pareceu ser uma parte permanente em sua vida foi a Sra. Lincoln," murmuro.

"Não fale sobre essa cadela, Gail,” diz Taylor grunhindo.
"Eu sou loira, ela é uma bela loira. Você não gosta de loiras? "

"Baby, não é das loiras que eu não gosto...” ele diz e eu faço uma careta. O que ela fez ou disse exatamente? Eu deveria estar preocupada? Como se ele lesse minha mente, ele responde.

"Eu só amo você, Gail!" Jason diz ardentemente. "Mas a Sra. Lincoln achava que ela pegou o gancho de carne de suas garras no Sr. Grey permanentemente. Ela ajudava a organizar essas meninas para ele,” diz ele.

"Então, não há uma loja chamada Submissives-R-Us?" Eu pergunto.

"Eu tenho certeza que há, com outro nome. Mas, o Sr. Grey vai a grandes distâncias para proteger sua privacidade. Não é como se ele fosse incapaz de encontrar uma por si mesmo e ele tem contatos. Mas, ela localizaria e veria as meninas na cena e obteria sua info para o Sr. Grey. Entrevista com um Vampiro... Eu quero dizer um Dom, e bam, ele conseguia uma nova sub. A Sra. Lincoln desta forma estava sempre no circuito; seu lugar favorito, sempre no controle nos bastidores. Claro que ela não diria que ela queria dominá-lo; ele iria cortá-la imediatamente. Mulheres – excetuada a presente companhia –" Jason emenda a si mesmo, "podem ser mais enganosas do que os homens. Elas usam meios diferentes dos homens. Os homens são muito previsíveis. Eu prefiro ir a um combate por um dia do que tentar manobrar em torno dessa víbora loira por uma hora,” diz ele sacudindo a cabeça, enquanto estremece.

"Por que tanta antipatia? Presumo que ela foi uma das subs no passado, embora ela seja mais velha do que as outras subs que ele teve. Tenho notado que alguns homens gostam de mulheres mais velhas,” digo tentando esconder a mágoa.

"Baby... Não tem nada a ver com a sua idade. Ela é a que pegou o Sr. Grey na merda ‘kinky’ que ele gosta quando ele tinha 15 anos! Ela deu nome a seus salões de 'servas', pelo amor de Deus!” ele profere, a raiva crescendo em Jason. Ele costuma ser muito controlado com suas emoções, e não fica zangado rápido.

"Servas?” eu pergunto confusa. Eu pensei que eles eram chamados de Esclava.

"Esclava significa uma escrava, ou mulher escrava, serva como você queira nomear isso..."

"Oh meu Deus!" Eu exclamo, minhas mãos correndo automaticamente para o meu rosto,  para cobrir meu queixo caído.

"A mulher é toda retorcida por dentro. Ela não gostou quando Ana puxou de volta os ganchos de carne de suas unhas do Sr. Grey, um por um, e entregou-os de volta para ela e mandou-a embalar na sua bunda," o meu homem diz com orgulho. Ele profundamente cuida de Ana; e por alguma razão, isso não me dá nenhum sentimento de ciúme.

"Ana pode ser semelhante às outras subs que o Sr. Grey tinha, mas ela é mais bonita do que elas eram. As outras estavam cientes de sua beleza. Ana... nem tanto. Como se alguém tivesse dito que ela não era bonita quando ela era um patinho feio ou algo assim e ela continuou acreditando nisso. Não poderia ter sido o Sr. Steele. Ele simplesmente a adora. Sua mãe a adora também. Não poderia ter sido o último marido também. O homem parecia muito educado e muito gentil em seu casamento e Ana parecia gostar dele. É claro que eu não o conheço, mas eu geralmente não estou errada em minhas primeiras impressões," eu medito em voz alta.

"Não, eu acho que pode ter sido o imbecil com quem sua mãe se casou entre Ray e o último. Ela teve quatro maridos. Crianças acreditam na merda que os adultos lhes dizem, mesmo que elas não queiram. Em seguida, isto se torna a sua realidade. Ela voltou a viver com Ray depois de ter vivido com a mãe e o  padrasto  logo depois de Ray. Alguma coisa aconteceu com ela lá. Aquele filho da puta fez Ana perder sua auto-estima!" Taylor cospe.

"Jason Taylor, você gosta tanto assim da Sra. Grey?" Pergunto-lhe estreitando o meu olhar. Eu adoro Ana, mas eu não sei o que fazer com os repetidos epítetos superprotetores de Jason.

"Baby, eu gosto da mulher do Sr. Grey como eu gosto da minha própria filha. Ana não é a primeira garota bonita que o Sr. Grey trouxe para casa, mas é mais que sua beleza; ela também é decente, normal, algumas vezes louca de amor por seu marido - e,” diz ele levantando seu dedo para cima, quando eu abro a minha boca para dizer alguma coisa, ”eu só simpatizo com a Sra. Grey, porque eu sei como me sinto sobre você. Eu acho que, se você estivesse ameaçada, eu faria qualquer coisa para mantê-la segura. Em suas formas ignorante e infantil, ela tentou conseguir isso. Foi uma tolice, porque ela quase foi morta. Eu sou um soldado treinado...” diz ele, mas eu o interrompo.

"Como se você, sendo um soldado profissional iria aliviar a minha preocupação, Jason Taylor! Eu me preocupo com você todos os dias com o pensamento de que você trabalha para manter o Sr. Grey seguro, pronto para levar uma bala por ele! "

"Você não precisa se preocupar com isso. Eu tive vida toda de treinamento. Ela não teve. Mas ela cobriu essa falta com a arma, a atitude autoritária amorosa, e aquela pequena senhora é a melhor coisa que aconteceu com o Sr. Grey e por Deus, ela está moldando-o em um homem de verdade e corrigindo o filho da puta retorcido dentro dele. "

"Você acaba de concordar comigo que as outras subs do Sr. Grey também eram bonitas,” digo com falsa repreensão, enquanto  tento esconder um sorriso.

"Sim, mas finalmente alguém cuja beleza interior brilhou por completo, e olhe para ela agora. Ela está completamente radiante. Ela sabe que é bonita e confiante em si mesma..."

"Devo ficar com ciúmes?" Eu aperto meus lábios, zombando, provocando meu homem.

"Não baby e você sabe disso. Eu implorei, me humilhei, e pedi-lhe para casar comigo por quase quatro anos, e você finalmente disse sim para mim. Você, Gail Jones, em breve Taylor, é minha mulher!" Jason rosna sedutoramente. "Sra. Grey é trabalho que se tornou como uma família; mas ela ainda é trabalho, o Sr. Grey é o meu dever de proteção primária, e ele é como sempre, o nosso chefe. Eu não sei como Ana trabalhou seu caminho lá,” diz ele apontando para sua cabeça, ”mas ela trabalhou. Ela também fez o seu caminho em seu coração. Embora eu tema que você tenha mais carinho pelo Sr. Grey do que eu me importaria que você reservasse para qualquer outro homem."


"Oh, Jason! O Sr. Grey é um homem bom. Ele precisava de uma família e nós fomos as coisas mais próximas disso,  aqui, antes da Sra. G. Mas, como você está certo Jason com sua avaliação sobre a forma como eu gosto de Ana. Vai ter um bebê em casa! Estou muito excitada! E a gravidez faz com que ela positivamente brilhe!" Eu digo batendo palmas como uma risonha menina da escola.

"Falando nisso, algum filho da puta vazou a notícia de sua gravidez e o Seattle Nooz, e os paparazzi estavam alinhados tanto fora do Escala como na SIP. Quando Sawyer levou a Sra. Grey para trabalhar esta manhã os porras dos paparazzi foram rápidos em atacar a senhora Grey! Eles estavam fervilhando ao redor do SUV no estacionamento da SIP. A segurança ainda é inepta. Eu vou ter que chegar lá e inspecionar a segurança. Sawyer, pela primeira vez não correu nenhum risco, e trouxe-a direto de volta para casa."

"Oh, querido! Você sabe que Ana é teimosa. Tenho certeza que ela não estava feliz em ser trazida de volta para casa."

"Isso é colocá-lo muito suavemente. Mas, o Sr. Grey foi muito específico após seu seqüestro. Nós não deixamos nada ao acaso. Se ele descobrir quem vazou a notícia, a bunda de alguém vai ser enlatada ou ele vai dar-lhe um gosto de seu próprio remédio. Ele estava furioso!"

"Mais do que normalmente ele é?"

"Touché. Mas sim. Você não o viu quando Ana lhe disse que estava deixando-o quando desembarcamos em Seattle. Eu sempre tenho uma muito boa idéia do caráter de alguém, e, inicialmente, pensei que eu a julguei mal depois que ele disse que ela estava indo embora. Jovem, linda esposa de um fodido bilionário, deus do sexo, que estava com ele apenas há alguns meses e ela acaba de anunciar que estava grávida e ela está no banco, retirando alguns milhões de dólares de seu dinheiro. Você sabe, você tem idéias. Claro, vendo este homem aparentemente indestrutível quebrar em um milhão de pedaços, sem um único tiro, e apenas com algumas palavras, confundiu mesmo meus pensamentos no momento. Em minha própria defesa, você tem que lembrar que eu nunca tinha visto um homem destruído por uma mulher tão irremediavelmente como o Sr. Grey estava e nunca me senti tão mal por alguém como eu me senti por ele, então. Sei que ele é um fodido arrogante jovem homem rico na superfície, e é claro que ele é todas essas coisas, mas você aprende uma ou uma centena de coisas com alguém quando você trabalha com ele 24/7 por quatro anos.

Mas, eu sabia que eu não estava errado sobre o caráter de Ana. Algo estava errado lá. Minha mente estava correndo a mil quilômetros por hora. Por que ela pegaria apenas alguns milhões de dólares? Por que não limpá-lo? Isto simplesmente não se somava. Eu sei que o Sr. Grey é o homem mais intenso com quem eu já trabalhei; ele é único da espécie. Eu trabalhei com todos os tipos de idiotas, mas ele não é um deles. Conheço o homem melhor do que seus pais que o criaram, ou seus irmãos que cresceram com ele. Eles conhecem os sintomas da sua doença, mas nunca a doença. Eu acho que ele merece uma chance e ele é quase humano com Ana. Então, naturalmente, mesmo assim  eu estava em pânico. Ele seria completamente destruído se ela realmente o deixasse. Bem, você sabe o resto da história. Aquele dia foi um grande aprendizado para todos nós. Mais do que isso, eu percebi que, se a nenhum de nós for dada a oportunidade de corrigir nossos caminhos, qual é o sentido de viver?

De certa forma eu pensei sobre nós. Eu fui para combater mais vezes do que eu gostaria de pensar. Eu vi meus amigos serem mortos. Eles eram tão inidentificáveis, que mesmo as mães que deram à luz a eles não iriam reconhecê-los em seu estado final. Quando você vive com alguém 24/7, protege  suas costas; mantém um ao outro vivo, os laços forjados são indescritíveis. Mas, estando apaixonado todo o jogo é diferente,” diz Jason olhando para mim com seu olhar suavizando. "Eu estaria destruído também se você me expulsasse de sua vida, baby. O Sr. Grey estava destruído. Se alguém quiser foder com ele mais, eles vão começar pegando sua esposa, para destruí-lo e cortá-lo em pedaços. Eu sei que ele encontrou o seu propósito na vida com ela. É por isso que eu insisto com ambos, Sawyer e Ryan, e qualquer outra pessoa que nós contratemos como segurança, de que a Sra. Grey é top prioridade, para não mencionar que ela está carregando um bebê. Se percebemos um perigo iminente, ela é levada para um determinado local seguro; neste caso, o local foi a casa."

Eu me puxo para trás no sofá e cheiro o largo peito do meu homem. Ele cheira celestial; masculino, apenas uma leve sugestão de seu perfume.

"Jason, você acha que foi o menino Rodriguez quem vazou a notícia da gravidez?"

"Nããão,” diz Jason seguro de sua avaliação. "Ele não faria isso. Não é seu estilo. Embora ele tenha sido um covarde por não se aproximar de Ana quando ela estava disponível. O garoto está de cabeça virada por ela, também. O idiota parece ter coragem quando ele está bêbado. Ele tentou se aproveitar de Ana quando ela estava bêbada também, ou quando a garota de seus sonhos se casa com um bilionário possessivo e o menino estúpido descobre que ela está grávida, aquele é o momento em que ele decide declarar seu amor por ela, de novo, na frente de estranhos! O filho da puta é todo pé esquerdo quando se trata de declarar o seu amor, todo no lugar errado e na hora errada."

"Bem, Ana é uma mulher bonita. Homens ou mulheres bonitas podem ser intimidantes antes que as pessoas possam reunir coragem para dizer qualquer coisa."

"Verdade, querida, mas Ana era inconsciente de sua beleza até que o Sr. Grey deixou isso bem claro para ela. Ele encontrou uma garota bonita, um diamante em bruto e transformou-a em uma mulher irresistível. Com esse território vêm os chacais ".

"Você não vê o garoto como um chacal não é?"

"Não, apenas um pobre tolo apaixonado pela mulher de outro homem. Eu não gostaria que alguém declarasse amor por você. Você é minha mulher! O Sr. Grey tinha sido muito tolerante com ele. Ou ele também está crescendo, ou ele está mantendo seus rivais ainda mais perto, ou ambos. "

"Você não seria tolerante com alguém, se eles manifestassem interesse em mim?" Eu provoco.

"Baby, eu deixei claro para todos na equipe de segurança no segundo que eles passaram o pé pela porta. Você está proibida. A única exceção tinha sido Stephen o piloto, mas não há nada que eu possa fazer sobre isso, porque ele não está sob o meu comando."

"Oh, Jason. Eu só saí com ele uma vez e isso foi há 4 anos. Ele não é para mim! Você é! "

"Eu não quero saber o que você fez neste único encontro que o deixou focado em você por quatro anos."

"Ele estava na minha, foi um total cavalheiro, mas eu simplesmente não senti a química.”

Jason bufa em resposta. "Ele está sentindo todos os tipos de química em relação a você!” Diz ele quase acusador.

"Querido, é bonito que você esteja com ciúmes de mim, mas eu não me sinto da mesma maneira com relação a Stephen. Ele deve ter tido algumas mulheres, uma vez que eu lhe disse que não podia vê-lo novamente. E eu vou me casar com você."

"Esteja certa, você vai!” Diz ele, e inclina minha cabeça para cima apenas no ângulo certo e me beija profundamente, deixando-me sem fôlego.

"Deus, Gail! Você é uma mulher espetacular. Onde diabos você esteve durante toda a minha vida? "

"É este o seu papo para conseguir-me em sua cama? Se assim for, você está perdendo o fôlego porque você já me tem. Bajulação, receio que não vá levá-lo mais longe. "

O canto da boca de Jason levanta-se num sorriso sexy. "Não tenha tanta certeza sobre isso, baby. Eu tenho a noite de folga. Eu vou arrebentar o inferno fora de você."

"As palavras cavalheirescas que toda mulher gosta de ouvir de seu homem..." eu provoco.

"Bem, vamos lá futura Sra. Taylor. Quanto mais cedo eu levá-la para minha cama, mais cedo você pode ser fodida e saciada. Podemos atender a todos os gostos."

"Uma vez que você o coloca tão agradavelmente, Sr. Taylor..." Eu digo enquanto eu tento levantar-me, o que é uma tarefa difícil quando Jason está me mantendo para baixo, envolta em seus braços. O convite na mesa de jantar me chama a atenção.

"Não se esqueça de dar o convite ao Sr. Grey, baby."

"Vamos lá! Não esfrie o meu humor, baby."

"Não há nada de errado com o seu humor, Jason Taylor! Nós vamos viver com eles na casa grande como duas famílias. Este é o melhor momento para você começar a aprender que quando você acaba o turno, você também pode aprender a relaxar. Honestamente, vocês dois tem que aprender a ser menos nervosos. Sr. Grey é trabalho de Ana, mas você Jason é meu. Amanhã, o convite. Tudo bem, querido? "

"Sim, senhora!" Jason me diz me cumprimentando, e de repente, ele me ergue do chão, me surpreendendo completamente e me leva para nossa cama, em grandes passadas, com a paciência de um jovem noivo, que está prestes a ter sua noiva pela primeira vez.


01 de novembro de 2011
Andréa

O som do coador é música para os meus ouvidos na parte da manhã. Meu apartamento geralmente cheira a Starbucks com o melhor café moído fresco em Seattle. Mas, eu tinha que correr para trabalhar de novo mais cedo e agora estou em pé, diante da melhor máquina de café que o dinheiro pode comprar, na cozinha do último andar da Grey House. O lugar todo cheira celestial, eu fecho meus olhos e inalo o cheiro. Devo minha viagem às 5:30 h para o trabalho ao Sr. Grey novamente. Ele não veio trabalhar ontem. Bem, deixe-me reformular isso: Ele veio com Taylor pronto para ir a uma reunião, só para receber um telefonema do gostoso Sawyer e de repente partiu da empresa. Desde que a esposa havia sido sequestrada e hospitalizada, ele se ausentou mais dias do que ele já tinha nos últimos 4 anos, 8 meses, 11 dias que eu trabalhei para ele como sua assistente. Vindo a pensar, ele nem sequer ficou um dia doente. Enquanto eu pego uma caneca de café no armário, eu quebro a cabeça. Não, ele nunca teve nenhum dia de folga. O homem vivia e respirava Grey Enterprises Incorporated. Ele ainda faz, mas a Sra. Anastasia Grey agora ocupa o 1 º lugar de sua afeição.

Apenas alguns poucos meses atrás a garota com roupas Wal-Mart caminhou por essas portas, tímida e completamente intimidada, mas quando ela voltou de novo pelas mesmas portas como esposa do Sr. Grey, ela pareceu espetacular por dentro e por fora. Eu não posso olhar para o meu próprio sexo com a análise de um amante, mas posso julgar uma beleza.Eu acho que essa é a versão moderna de Cinderela. Mesmo a roupa barata não conseguia disfarçar a beleza de Anastasia Steele. Eu tenho que ir a uma terapia facial uma vez por semana, e comprar 800 dólares de produtos de beleza uma vez por mês de Neiman Marcus para conseguir uma pele impecável. Eu apostaria que Anastasia Steele nunca tinha ido a um tratamento facial até que ela esteve embaixo do Sr. Grey em sua cama. Encontro-me diante do gabinete com a caneca na mão. Volto para o super coador e sirvo-me uma xícara de café. Fecho meus olhos apenas inalando o cheiro dele. Eu finalmente caminho até o creme diet. Ugh! Eu tenho que manter a minha forma, e odeio colocar esses cremes de dieta e suplementos sem açúcar. Câncer em pacotes cheios, de dose única, ordenadamente. Eu suspiro e caminho de volta para a mesa para sentar e desfrutar do café antes de todo mundo vir trabalhar.

Onde eu estava? Ah, sim... Meu chefe de exageradamente boa aparência. Se eu não tivesse tido a formação que tive e pesquisado sobre o meu futuro chefe, eu o teria cobiçado quando eu vim para uma entrevista. Bem, eu tive a  minha chance de vê-lo na quinta entrevista. Somente os melhores candidatos são contratados e a entrevista final é feita por ele. Tomou todo o meu esforço para não encará-lo. É difícil imaginar um homem lindo de morrer como um objeto inanimado. Mas eu imaginei-o como a estátua falante de David, e bam, meu cérebro aceitou esse argumento. Eu consegui o meu trabalho. Eu sabia que ele era hetero. Estes homens ricos raramente se casam, especialmente tão jovens como Christian Grey. Eles têm numerosas vaginas e pênis pré-aprovados para utilizar de qualquer maneira, basta eles balançarem seu bastão. No entanto, uma menina vestida com roupas Wal-Mart conquistou seu coração. Eu balanço minha cabeça. "Ouça a si mesma! Você está com ciúmes?" minha consciência interior me repreende. Talvez só um pouco. Deus, a Sra. Grey parecia um diamante polido quando ela veio aqui no mês passado. Positivamente brilhante e muito sexy. O rumor foi sempre que o Sr. Grey era gay, mas eu o conhecia  de forma diferente. Mandei muito poucos NDAs ao Sr. Grey nos últimos anos. Eu tinha minhas suspeitas. Você não pode ser uma super assistente se você não conhece seu chefe bem. Você tem que entender as necessidades dele ou dela antes que ele as enuncie. Caso contrário, você está fora da porta, e você não pense que você é insubstituível. É como enfiar o dedo na água. No segundo que você puxar o dedo, a água enche o espaço como se nunca tivesse estado nela. Essa é a natureza destes empregos de assistente de alta potência. São cobiçados, procurados, pagam uma tonelada de dinheiro, consomem sua vida, as horas nem sempre são definitivas, mas no final, você é um dos muitos candidatos talentosos que dariam seu braço direito para o cargo. Consegui comprar meu apartamento em vez de alugá-lo, por exemplo. O Sr. Grey é muito generoso com o salário e os bônus que ele paga. Mas, em troca, ele é muito exigente. Não tolera ineficiência, incompetência e cara, como ele pode ficar com raiva!

"Bom dia, Ice Queen! Por que você está aqui tão cedo?"

Eu cuspo meu café sobre todo o meu tablet.

"Jesus Cristo! Geek! Por que você está aprontando comigo?" Eu fecho a cara, enquanto eu pego uma toalha de papel para limpar a tela do meu tablet.

"Eu disse oi, mas você estava tão imersa nos pensamentos, que você não me ouviu."

"É, eu não tive a minha primeira xícara de café. Eu não costumo acordar até que eu tenha," murmuro. Por que estou sendo legal com ele?

"Você está vivendo e respirando a GEH nos últimos dois meses. Sempre que venho para o trabalho, aqui está você. Como é que o seu namorado lida com a concorrência?"

Eu dou-lhe um olhar de lado.

"Yeah! Um namorado! Atualmente minha carreira é mais importante do que dedicar tempo a um único indivíduo."

"Bem, isso é o que eu digo, quando eu procuro uma desculpa,” diz ele, enquanto ele se serve de café.

"Ao contrário de você, eu tenho muitos homens me pedindo para sair!"

"Você me pegou aí, Icy. Eu não tenho muitos homens me convidando para sair. E mesmo que tivesse, eu não iria,” diz ele sorrindo.

"Pare de me chamar assim, Geek!" Eu fecho a cara. Ele poderia ser bonito. Se ele tirasse os óculos e colocasse lentes de contato, despenteasse o cabelo dele, um par de mudanças para a sua roupa, ele poderia parecer com Ian Somerhalder. Eu interiormente gemo. Não ter um homem na minha cama, começa a me colocar pronta para saltar nos ossos de Barney Sullivan.





"Eu posso parar de chamá-la assim ao primeiro sinal de que você pode apenas ser legal comigo,” diz ele sorrindo. Ele tem dentes brancos e perfeitamente alinhados. Eu sacudo minha cabeça.

"Basta pegar o seu café ou o beba tranquilamente. Eu tenho que me organizar para o trabalho hoje,” eu digo.

"Eu vou sentar. Obrigado pela oferta,” diz ele e senta-se em frente a mim.

"Qual é o problema com a nova estagiária?"

"O quê?"

"Por que há uma nova estagiária? O que aconteceu com Olivia? "

"É o programa de estágio. São cerca de 4 meses de duração. Ou o estagiário candidata-se para uma posição permanente, ou sai para procurar outros empreendimentos. "

"Ela não foi contratada pela GEH?"

"Eu não acho,” eu respondo.

"Por quê?"

"Eu não sei. Talvez ela não estivesse qualificada, e o treinamento não foi suficiente para tê-la qualificada."
"Talvez a professora não fosse boa,” diz ele casualmente.

Minha cabeça se vira. "Algo a dizer, Geek?"
"Simplesmente fazendo uma observação Ice Queen,” ele sorri. Ele está gostando disso.

"Apenas 20 a 30 por cento de estagiários são contratados por GEH. Você sabe a política. Só o melhor consegue trabalhar na empresa por longo prazo."

"Eu sei, eu só estou puxando a sua corrente,” diz ele, enquanto toma um gole. Eu balanço minha cabeça e abro os alertas do Google em Sr. e Sra. Grey. Eu tenho que saber as notícias sobre eles, o que é aprovado por nossos relações públicas e o que é falso e o que é vazado.

Os alertas têm duas páginas. Só de uma noite? Eu seguro minha caneca e tomo um gole. Volto à primeira página e abro o primeiro link enquanto eu tomo outro gole. Eu cuspo todo meu café no meu tablet novamente e engasgo com o gole que desceu pela minha garganta.

"Jesus Cristo, Andrea!” Grita Barney, enquanto ele salta em pé para dar  tapinhas nas minhas costas. Depois que eu paro de tossir, ele pega dois pedaços de papel toalha e sem dizer uma palavra limpa meu tablet. Por que eu não tinha notado a notícia ontem? Ah, certo, porque o patrão não estava funcionando, e eu tive que cobrir todos os compromissos, reprogramar e trabalhar quase um turno duplo.

Barney levanta os olhos do meu tablet limpo, percebendo a notícia. "Isso diz que a Sra. Grey está grávida. Isso incomodou você?"

"Não idiota! Isso é ou notícia falsa ou notícia que vazou! Isso significa controle de danos. Você pode ver os paparazzi perseguindo a Sra. Grey na foto, enquanto Sawyer está tentando levá-la de volta para seu veículo, com a ajuda da segurança da SIP? Adivinhe como o chefe vai ficar louco quando ele vir as notícias? Inferno, ele provavelmente já está furioso! É por isso que ele não veio trabalhar ontem!"

"Em defesa dos paparazzi, a Sra. Grey é uma gata! Se ela fosse horrorosa, ninguém estaria atrás dela. Todo mundo está falando sobre ela na empresa desde que ela veio visitar no mês passado,” sibila Barney.

"Sim, diga isso na frente de seu chefe, e o veja comer sua bunda, estúpido!" Eu balanço minha cabeça. Às vezes os homens só pensam com o seu pau! Eu verifico o meu relógio. São 06:30.  Janelyn estará aqui às 8:00 h. PR deveria  entrar em contato para liberar algum tipo de informação. Nós podemos ficar mudos por um tempo, ou negá-lo. Eu vou ter de perguntar ao Sr. Grey, o que não seria a coisa mais fácil de perguntar. Merda! Será que ele vem trabalhar hoje? Ele não disse que ele não viria hoje. Oh, meu Deus! Agora, os fodidos paparazzi e revistas estarão com mira na barriga crescendo! Pobre garota, vai comer um ou demasiados tacos, e bam! Ela vai ser retratada por todo o Enquirer marcando seus 5 meses de gravidez! Eu não invejo as pessoas que estão constantemente no radar.

"Você ainda está com raiva de mim por minha observação?  Olhe, eu sinto muito. Eu quis dizer que a Sra. Grey é uma mulher bonita."

"Eu não estou brava com você, seu idiota! Isso aconteceu na manhã de ontem! Você sabe como o chefe é nervoso quando se trata de sua esposa. Os paparazzi estavam perseguindo ela ontem. Ela não pediu por isso. Houve muito poucos destes ataques paparazzi desde que ela ficou noiva dele. Mas pioraram depois que ela foi seqüestrada. Tem que ser traumatizante para ela, e isto vai deixá-lo louco, e adivinhe quem trabalha com ele quando ele está louco?"

"Desculpe Andrea! Não queria ser você neste momento! Bem, eu vou estar na sala do servidor. Eu tenho que reiniciar alguns dos servidores!" E ele decola com sua caneca de café na mão.

Meu Blackberry tranquilamente toca. Oh merda! É o PR já.

"Oi Andrea! Aqui é Jason do PR. Tenho certeza que você já viu a notícia. Ouça, a revista People está chamando para uma entrevista com o Sr. e a Sra. Grey sobre a gravidez, o que significa dizer que não é a única na lista, mas esta está no topo das nossas recomendações, porque esta entrevista poderia acalmar os paparazzi um pouco. Meu chefe está recomendando esta entrevista, se o Sr. e a Sra. Grey concordarem com isso. Você pode retornar para mim sobre isso?"

"Sim. Eu vou falar com Sr. Grey sobre isso depois que ele começa a trabalhar hoje."

"Seria uma grande ajuda para saciar a fome das pessoas. Estamos recebendo toneladas de chamadas de revistas desde o sequestro da Sra. Grey, mesmo de estúdios de cinema, que querem transformar a história em um filme. "

"Sr. Grey é muito reservado e privado, eu não acho que isso seria uma opção para ele,” eu digo e ouço uma chamada. Eu olho para a tela.

"Você deve informá-lo de qualquer maneira, porque...” diz ele, mas eu o interrompo.

"Espere, espere. Diga-me isso mais tarde, recebi uma chamada. Eu vou voltar para você hoje. Bye!" Eu desligo. Limpando minha garganta, eu endireito minhas costas e pressiono o botão verde para mudar de  linha.

"Bom dia, Sr. Grey."

"Andrea. Obtenha o controle do PR. Os porra dos paparazzi já montaram acampamento em torno do Escala e da SIP."

Sr. Grey nem sequer me disse o por quê do acampamento dos paparazzi ao redor de seu apartamento ou do local de trabalho de sua esposa. Ele espera que eu saiba e eu sei.

"Eu já estou nisso, senhor. Na verdade, eu estava no telefone com o PR. Jason do PR disse que os paparazzi e revistas têm chamado constantemente. Eles estão recomendando uma entrevista com a revista People para acalmar todos os outros." O Sr. Grey geme alto no telefone.

"Eu tenho que falar com minha esposa sobre isso. Vou deixar o PR saber da minha decisão mais tarde. Por enquanto, eles ficam quietos."

"Sim, Sr. Grey. Há mais alguma coisa que eu possa ajudá-lo, senhor?"
"Isso é tudo, Andrea,” diz ele e desliga. Direto ao ponto, como sempre. Nenhuma palavra adicional desperdiçada.
Janelyn entra na cozinha, pronta para trabalhar.

"Bom dia, você chegou cedo,” eu digo.

"Mas não tão cedo como você,” ela responde alegremente. "Eu pensei que você poderia precisar de ajuda esta manhã após a carga de trabalho de ontem. Eu imaginei que você podia chegar mais cedo, por isso vim cedo, também."

Eu até poderia gostar dela. Ela não é arisca como Olivia, ela trabalha duro e faz o que lhe é dito sem ficar nervosa.

"Tudo bem! Temos uma montanha de trabalho para resolver. Sirva-se de um pouco de café e siga-me,” eu digo pegando meu tablet e caneca.




CONTROLE DE DANOS

 "Ser profundamente amado por alguém dá a você força, enquanto amar alguém profundamente dá a você coragem."
Lao Tzu





O fodido paparazzi! Anastasia estava toda abalada ontem. Ela é tímida demais para estar rodeada de jornalistas e a perseguição dos paparazzi assustou a merda fora dela! Eu corro meus dedos em meus cabelos, exasperado. Taylor está esperando, não, ao invés, eriçado com a energia nervosa do lado de fora da minha porta.

"Taylor!" Eu grito.

"Sim, senhor,” ele diz entrando.

"O que foi? Más notícias?"

"Não, não...” ele murmura. Ele está escondendo alguma coisa dentro de sua mão.

"Alguém enviou um mensageiro? Uma mensagem? O que é homem? Qual é o problema?" Pergunto impaciente.

"Não é nada. Isso pode esperar,” diz ele. Eu franzo a testa e estendo minha mão. Ele relutantemente coloca algo na palma da minha mão. É um envelope grosso, levemente perfumado, com o meu nome e o de Anastasia elegantemente escritos nele. Eu o abro e retiro o convite para o casamento de Gail e Taylor. Meu rosto suaviza.

"Este é um convite. Você quer que a gente vá para seu casamento?" Pergunto surpreso, minha voz um pouco rouca. Ana disse-me que o meu pessoal gostava de mim, mas eu pensei que ela estava apenas sendo gentil. Eu limpo minha garganta. Esta é uma notícia bem-vinda, considerando toda a merda que passamos ontem e o susto que Ana passou. Vou aumentar sua segurança e ela não vai gostar. Eu levanto os meus olhos  do convite. Taylor parece indeciso.

"Olhe, Taylor. Uhm, nós adoraríamos ir, claro, e muito obrigado a você e a Gail pelo convite. Mas, eu conheço as mulheres. Se," eu digo e procuro seu rosto,   "se, Gail levou-o até isso, eu vou aliviar-lhe a obrigação de nos convidar. Eu sempre posso ter uma reunião de negócios ou algum compromisso pré-arranjado, se você quer ficar livre de seu chefe no dia do casamento."

Taylor pisca, e seus olhos dardejam à  direita e à esquerda, como se ele ficasse surpreso ao encontrar um chefe que pode ser compreensivo. Eu não estou recebendo isso fácil. Taylor é o meu braço direito. Tenho que aliviá-lo da pressão no dia mais importante de sua vida assim, quando ele voltar, ele estará recarregado, e menos nervoso. Ele muda de pé, olhando para mim.

Ele limpa a garganta. "Bem, a coisa é a seguinte, Sr. Grey;  eu acho que eu não me importo que você venha. Eu prefiro não ter estúpida irmã dela. Mas ela está chegando. Essa é a única irmã que ela tem. Eu não tenho família, exceto minha filha. Imagine, Gail tinha essa idéia tola de que o meu trabalho é a minha família também, então, de certa forma, eu estou casado com o meu trabalho, de modo que isso faz você e a Sra. Grey, família. Curiosamente,"  ele murmura. Isto é o máximo que ele está falando em termos pessoais. Taylor, como eu, é um homem de poucas palavras quando se trata de família. Paternal, Anastasia disse sobre Taylor. Todos nós temos famílias adotadas, mas acho que, no final, nós criamos alguma coisa mais, aqui, de forma inesperada.  Tudo é Ana que está fazendo. Acho que o meu pessoal se importa comigo. Eu limpo minha garganta. Eu acho que uma mudança de ritmo vai fazer Anastasia feliz. Dê-lhe algo para se pensar além dos paparazzi. O casamento de Kate e Elliot está  a meses de distância e é aproximadamente no mesmo tempo que o júnior é esperado. Isso vai ser algo que ela vai ficar feliz.
"Bem, eu acho que Ana gostaria de ver você e Gail se casarem. Ela vê você," eu não quero dizer a ele como um tio. Taylor não é velho. "Ela vê você e Gail como parte da família. Inferno, em poucos meses, você e a Sra. Taylor estarão vivendo bem acima de nossa garagem. Se é tudo da mesma forma para você, vamos permanecer discretos em seu casamento. Dessa forma, nossas mulheres podem ser felizes. Dizem que o casamento é para as mulheres de qualquer maneira."

"Sim, dizem isso..." ele murmura.

"Assim, 12 de novembro, então?" Eu pergunto.

"Sim, senhor."

"Parabéns. Andrea deve enviar as informações da conta que foi criada para a sua conta de despesas. "

"Você não tem que fazer isso, Sr. Grey,” diz ele.

"Bem, isso é o mínimo que posso fazer. Por causa de sua previsão, fomos capazes de salvar a Sra. Grey e nosso bebê. Você mereceu,” eu digo, e ele apenas balança a cabeça em resposta, sombriamente.

"A propósito, os paparazzi se foram do Escala ou da SIP?"

"Nenhum, infelizmente. Eles vão se manter acampados até que haja uma confirmação de algum tipo e, em seguida, eles vão observar a barriga crescer,” diz ele. Eu franzo a testa.

"Merda! Eu estava com medo disso. Vamos primeiro ao treino, e eu vou decidir como lidar com seus traseiros. A propósito, o que aconteceu com o repórter freelance que enviamos para acampar nas Montanhas Rochosas canadenses?"
"Resgatado pela polícia montada depois de um mês de desfrutar da natureza. Deixamos seus suprimentos, claro, mas o suficiente para fazê-lo respeitar seus superiores. Ele foi deixado com um aviso. Estamos mantendo um olho nele de vez em quando. Meus companheiros de operações especiais precisam de algo divertido para fazer de tempos em tempos,” ele sorri.

"Vamos treinar."





*****          *****

Quando voltamos do treino são quase 07:30 h.  Gail está preparando o café da manhã na cozinha.

"Você está pronto para o café da manhã, senhor?” Ela pergunta.

"Ainda não, Gail. A Sra. Grey está acordada? "

"Não, ela não saiu ainda,” ela responde. Quando eu ando de volta para o nosso quarto, o cabelo de Anastasia está espalhado sobre o travesseiro, algumas mechas cobrindo seu rosto. Seus braços estendidos para o nosso travesseiro. O lençol está apenas abaixo de seu peito, expondo-o, imediatamente me fazendo duro. Ela tem arrepios em seus seios e os mamilos estão enrugados com a circulação de ar leve, causada pelo ventilador. Ela se desloca na cama, e rola para o meu lado da cama. Ela puxa meu travesseiro em seu abraço distraidamente. Eu a olho hipnotizado. Adorável nem sequer descreve isso. Eu dou dois passos tranquilos em direção à nossa cama. Depois de deixar o convite na mesa de cabeceira, eu continuo olhando para ela. Os olhos de Anastasia lentamente piscam abertos.

"Oi,” ela diz com uma voz grogue.

"Oi, baby. Como você está se sentindo?"

"Bem. Você acabou de treinar?" Ela pergunta rolando lentamente sobre suas costas.  Isto expõe seu seio direito. Aspiro bruscamente.

"Você acabou de treinar?” Ela pergunta mais uma vez, inalando meu cheiro.

"Sim, acabei,” eu respondo meus olhos focados em seu peito. Ela lambe o lábio inferior e morde-o.

"Não morda seu lábio. Eu acabo de ter um treino, e isso nem mesmo arrefeceu o nervosismo em mim. Você vai me fazer saltar sobre você, e eu estou muito suado e empoeirado agora. Eu estava no ringue. "

"Será que o desliga,” ela pergunta lentamente, "se eu lhe dissesse que eu acho você sexy quando você está brilhando com suor do treino?"

"Suor liga você?"

" Você me liga marido... Eu acho que a visão de você no primeiro dia em que eu dormi em sua cama, quando entrou após o treino era insanamente sexy, como é agora. "

"Sra. Grey, você está me seduzindo?" Ela me pegou de jeito.



I've got you Under my Skin - Katharine McPhee

"Eu espero que sim, você é o único homem no cômodo,” diz ela com um sorriso lascivo.

Um profundo som primal gutural passa através de minha garganta. Seu enjôo matinal tinha acabado este mês. E ela não está falando sobre o trabalho agora. Arranco fora os  t-shirt, e lanço-os em uma pilha no chão. Então enganchando os polegares na minha cintura tiro meu moletom e boxers fora. Anastasia visivelmente engole e sobe lentamente para a posição sentada, o lençol deslizando para fora de seu corpo e a curva de seus seios crescendo, parcialmente cobertos com os cabelos em cascata, dá uma visão celestial. Eu coloco um joelho na cama e puxo-a contra mim. Meu corpo está firme e úmido de suor. Suas curvas suaves se encaixam perfeitamente em meus músculos rígidos. Meu pau está duro e pesado contra as dobras de seu sexo. Anastasia move o seu corpo para me sentir mais. Ela estremece e seu corpo está agora totalmente acordado e vivo, com um propósito único.

"Eu preciso de você para me abraçar apertado, baby,” eu sussurro em voz rouca.




"Simmm..." ela geme, agarrando o meu corpo como um bote salva-vidas. Girando meus quadris, eu movo meu pau e deslizo em seu sexo faminto, até que os lábios lisos de seu sexo beijam a base do meu pau. Suas pernas se envolvem em torno de meu torso, os calcanhares escavando na minha bunda em um esforço para incitar meu pau mais fundo dentro dela. Anastasia arqueia suas costas enquanto ela se ergue sobre o meu pau, empurrando os seios para os meus lábios. Eu capturo um mamilo, e o pico resfriado, levantado, é bem-vindo na umidade quente da minha boca. Eu começo a me mover contra ela, para cima, conduzindo urgentemente em seu sexo. Nossos quadris estão em sincronia. Quando eu bombeio dentro dela duro e quente, ela desce para a minha ereção, abraçando-a como um punho apertado, e me puxando para as profundezas do seu sexo. Minhas bolas apertam e batem contra seu ânus cada vez, fazendo-a gemer.



"Ana, estou indo para mais profundo, baby!"  Eu gemo, ”eu vou empurrá-la contra a parede, e perfurar em você forte e rápido!"

"Sim! Por favor!" Ela geme. Eu coloco Anastasia de costas contra a parede, justo no nível certo para enterrar em sua profundidade. Eu puxo para trás e empurro nela duro.




"De novo,” ela grita, enquanto envolve seus braços em volta do meu torso, as unhas cravando-se em minhas costas. O peso pesado do meu pau grosso e pulsante, reivindica-a de dentro. Anastasia está se contorcendo diante de mim, as unhas estão arranhando minhas costas e ela tenta mover seu corpo em sua busca para chegar ao seu precipício.

Minha pele fica completamente quente sob suas mãos, e as nossas respirações coletivas estão exigindo de nossos pulmões. Meus movimentos são rápidos, duros e febris entre suas coxas convidativas. Anastasia move uma mão no meu peito e as unhas cavam meu mamilo. Ela torce-o com o polegar e o indicador, tornando-me mais grosso dentro dela. Eu gemo seu nome pronto para perder o controle.

"Vamos, baby! Dê para mim!" Eu grito, meu corpo tenso, rígido e aço duro contra suas exuberantes curvas, agora suadas. O sexo dela aperta, empunhando-me dentro apertado, me puxando ainda mais, mantendo-me mais nas profundezas de seu sexo, em uma corrida para o  clímax e ordenhando-me. Suas pernas me abraçam apertado, seus calcanhares cavam mais, e ela grita, "Christian." Meu prazer ardente é liberado dentro dela, pulsando em jatos grossos e fortes. Os gemidos misturados dos nomes um do outro são engolidos quando eu reivindico seus lábios, numa paixão febril, luxúria e admiração por minha esposa.

"Anastasia..." eu sussurro seu nome com voz satisfeita, enquanto eu fecho meus olhos com uma respiração irregular. Eu coloco minha testa sobre a dela e inalo o cheiro excitante de sexo, seu inebriante cheiro evocativo da feminilidade, misturado com o meu cheiro pessoal de tempero masculino e os traços de minha colônia, criando algo que é exclusivamente nosso.

"O que você está fazendo comigo, baby? Você me liga com um olhar e me abate imediatamente ".

Ela agarra-me com mais força.

"Obrigada,” ela sussurra.

"Por quê?"

"Por cuidar de minhas necessidades, cuidando de nós, me tornando uma prioridade em sua vida... por me amar,” ela sussurra.

"Eu sou seu marido. É o que eu faço,” eu digo enquanto eu a alivio do meu pau. Ela estremece.

"Você está bem?" Pergunto preocupado. "Eu machuquei você?"

"Não. Eu não sou feita de vidro Christian. Eu estou bem,” ela sorri em tom tranqüilizador.

"Venha. Vamos tomar um banho," eu a puxo comigo até o banheiro.

"Sim, eu preciso ficar pronta para o trabalho,” diz ela fazendo-me parar de imediato.

"Depois do que aconteceu ontem?"

"Eu não estou tendo enjôos matinais,” diz ela. Eu arqueio as sobrancelhas.

"Não é tão ruim, Christian. Eu tenho estado melhor na última semana. Dra. Greene disse que metade de um dia seria ótimo, lembra?"

"Dra. Greene não viu você ser emboscada pelos paparazzi também. Tanto que Sawyer teve que apelar para a segurança da SIP para ter você de volta no SUV." Eu nos dirijo de volta para o banheiro. Sem soltar a mão dela, eu ligo o chuveiro.

"Eu tenho uma proposta,” eu digo.

"Que tipo de proposta?” ela pergunta estreitando os olhos.

"Eu não quero que os paparazzi se mantenham perseguindo-a até que sua gravidez seja oficialmente divulgada. Você já entrou no segundo trimestre. Minha PR está recomendando uma entrevista sentada com a revista People. "

"Você não acha que apenas três meses é muito cedo para isso?"

"Eu realmente não sei o protocolo de entrevista de divulgação de gravidez, mas eu não quero algum filho da puta encurralando-a e assustando o inferno fora de você, tentando imaginar sua barriga de grávida ou colocando você e Sawyer em uma perseguição de carro. Eles causaram acidentes no passado, e eu não estou disposto a tê-la tornando-se um número a mais nas vítimas dos paparazzi."

"Christian, eu não sei se é necessário..." ela começa.

"Ana, você prometeu! Pela segurança do bebê, você prometeu! Se alguma coisa acontecesse com você ou vocês dois, eu ficaria louco! Eu entendo que não temos nada para mostrar a uma revista afinal. Nem quarto do bebê ou qualquer coisa assim. Talvez um comunicado à imprensa e algumas fotos profissionais de ambos seria suficiente. Dessa forma, nós temos o controle do que está colocado, e do que é dito. Mas, já que você salvou a minha irmã, você se tornou um ídolo para muita gente, e eles querem conhecê-la,” eu digo me encolhendo.

"Você quer ter o quarto do bebê pronto?” ela pergunta, olhos brilhantes. Deixe isso para Ana para tirar esta conclusão de tudo o que eu disse.

"Bem, não, hoje não. Mas se é algo que você deseja ver, eu certamente posso agendar um horário para ir com você." Eu puxo-a para o chuveiro.

"Oh, eu pensei que você queria ir, fazer compras."

"Ana, eu estou lhe dizendo que vão ser mais pessoas, mais jornalistas, paparazzi lhe perseguindo. Até agora, temos sido capazes de mantê-los um pouco contidos," eu digo e a viro de costas para mim. Espremo um pouco de xampu em minhas mãos, eu ensaboo seu cabelo e massageio o couro cabeludo.

"Eu estou aumentando sua segurança. Mais uma pessoa será adicionada a sua equipe." Ela endurece.

"Isto me restringe, Christian. Preciso de espaço para respirar. É muito chato quando eu tenho uma mulher marcando junto quando eu vou fazer xixi no banheiro, e você sabe que eu não posso nem fazer xixi quando você está lá,” ela suspira.

"Mas é melhor ter sua proteção pessoal no banheiro do que um paparazzi louco se escondendo na cabine ao lado. Isso vem com o território para nós, baby. Isso faz parte de nossas vidas. Eu preciso saber que ambos estão seguros. Eu não posso funcionar se eu tenho no fundo de minha mente que há um lapso na sua segurança quando é fácil para mim corrigi-lo. Nós estamos sob o radar, baby. Nós vamos estar nele a longo prazo. É por isso que eu gosto de proteger a nossa privacidade. Nós podemos nunca estar fora do radar. Você é uma mulher  linda de morrer, e me tem sido dito que estou com bom aspecto com a minha esposa. Temos dinheiro, temos um estilo de vida que outras pessoas apenas sonham. Haverá sempre pessoas que estão interessadas em nós."

"Quanto tempo eu vou ter dois seguranças? Eu gosto de Sawyer, mas alguém mais...” ela se encolhe. Eu molho minhas mãos com o sabão de corpo e começo a lavar os ombros, descendo para os lados. Minhas mãos ficam sobre a barriga, meus dedos espalhados  sobre ela. Sua respiração suspende.

"Isto é para o blip. Sawyer para você, e o outro segurança para o blip ".





"Ótimo,” ela murmura. Minhas mãos ensaboadas se deslocam até os seios doloridos e cobre os montículos pesados.
"Boa menina...” eu sussurro. Ela levanta os braços e envolve-os em torno do meu pescoço enquanto empurra os seios em minhas mãos, efetivamente cortando a conversa. Ela inclina a cabeça para o lado, tornando mais fácil para a minha cabeça mergulhar e beijá-la no ângulo certo.





*****          *****

Eu coloco minha camisa branca, Anastasia abotoa para mim. Eu puxo minha boxer e Anastasia escolhe meu terno cinza carvão. Eu coloco as calças e puxo o ziper. Ela segura o paletó para mim. Ela já está com sua calcinha de renda branca e sutiã. Ela decide por uma saia que flui e blusa que abraça as curvas. Em seguida, ela se senta na beira da cama e coloca seus sapatos de salto. Seu cabelo é colocado atrás de uma orelha, mas do outro lado está em queda livre em seu peito. Tão gostosa!




Ela então percebe o envelope que eu trouxe para o quarto e deixei sobre a cômoda.

"O que é isso?” Ela pergunta virando-o e vendo os nossos nomes.

"Um convite para o casamento de Taylor e Gail."

Ela me dá um verdadeiro sorriso. "Oh! Estou tão feliz por eles. Eles agora têm data!" Quando ela olha para mim, os olhos estão brilhantes.

"Estamos convidados? Sério?"

"Sim, estamos. Vamos ser um pouco mais discretos considerando como Taylor é dedicado ao seu trabalho. Nós vamos pagar pelo seu casamento e lua de mel como um presente de nós dois e do blip,” eu digo.

"Marido,” diz ela erguendo-se e me abraçando. "Você é o mais amável, o mais generoso homem que eu conheço."
"Eles estiveram comigo por um longo tempo, e Taylor acabou de fazer tanta coisa para salvar vocês dois. Devo-lhe muito isso."

"Estou realmente ansiosa por isso,” ela diz rindo. "Vamos tomar café da manhã. Eu estou morrendo de fome."
"Sim, senhora!" Quem sou eu para discutir quando todos os seus apetites estão em pleno funcionamento? Nosso objetivo é agradar.

*****          *****

Eu levo minha mulher até a porta da SIP, enquanto Ryan e Sawyer estão mantendo os repórteres à  distância.

"Sra. Grey! É verdade que você está grávida de três meses?" Pergunta uma repórter.

"É um bebê da lua de mel?” Grita outro repórter.

"Sr. Grey, vocês dois casaram ​​por causa da gravidez da Sra. Grey? Isso foi um casamento forçado?" É um repórter masculino.

O rosto de Anastasia fica horrorizado com a fofoca que está se formando.

"Sra. Grey, alguns relatos dizem que você tem mais do que 3 meses de gravidez! Isso colocaria a gravidez antes de seu casamento. Será que você planejou ficar grávida do Sr. Grey? " A insinuação está toda aí.

"Para trás, babaca!" Sawyer o empurra e seu microfone para longe da vizinhança de Ana.

"Christian, o que eles estão dizendo?"  Sussurra Anastasia apavorada. Seus olhos estão arregalados, assustados. Seu rosto diz tudo, sem palavras: eu nunca vou ter uma vida normal novamente.

"Sra. Grey, você estava envolvida no seqüestro de sua cunhada?" Minha cabeça se vira, e eu posso rasgar aquele filho da puta em pedaços. Vejo Taylor no meu cotovelo. A segurança da SIP vem para ajudar.

"Esta é uma propriedade privada. Este é o seu primeiro e único aviso para sair da propriedade ou vamos fazê-lo com escolta policial por invasão e assédio de um empregado da SIP,” grita Roach. As sirenes já se ouvem virando a esquina. A primeira visão que eu tenho é do Detective Clark com vários policiais uniformizados.

"Você ouviu o homem. Esta é uma propriedade privada. Sua liberdade de imprensa não lhe dá o direito de molestar uma jovem mulher, também não lhe dá o direito de invadir a propriedade de uma empresa privada. Vocês podem todos passar a noite na cadeia, ou vocês podem ir embora em paz." A multidão se dispersa com murmúrios e grunhidos.

"Sra. Grey! Ryan de Seattle Celebrity News! Temos informações que nos levam a acreditar que você está, de fato, envolvida pessoalmente no sequestro de sua cunhada. Duas pessoas com quem você trabalhou estavam nele até os olhos. Como você se envolveu no planejamento do sequestro da Srta. Mia Grey? Por que você foi junto com um dos seqüestradores? Por que você fugiu de seu próprio guarda-costas? Sra. Grey!  Jack Hyde, seu chefe, foi seu amante?"

"Cale a porra da boca!" Sawyer grita empurrando o repórter para um policial uniformizado. "Você vai ficar aí e deixar esse bastardo assediar uma mulher boa e caluniar o nome dela?"

O policial uniformizado torce o braço do repórter e coloca as algemas. Estou eriçado de raiva incontrolável. Por um lado minha mulher está angustiada, por outro lado, algum desgraçado está ameaçando minha esposa com suas acusações!

"A verdade virá à tona,” ele grita.

"É isso mesmo, a verdade! E você não a reconheceria nem se ela lhe mordesse a bunda, filho da puta!" Eu sibilo esmagando três dedos estrategicamente colocados sob sua garganta, com o mínimo de esforço. O repórter fica com o rosto vermelho.

Taylor sacode a cabeça para Sawyer sem dizer nada, e ele se afasta de mim.

"Sr. Grey. Por favor! Não fiquem aí parados!" Clark grita com seus agentes uniformizados. "Levem esse idiota para longe e detenham-no! Peço desculpas, Sra. Grey, Sr. Grey. Eu ouvi o que eles disseram. Eles não serão capazes de vir para o estacionamento ou as instalações amanhã, ou você ou a segurança da empresa podem chamar o 911 para obter ajuda."

Anastasia está parada no limiar da SIP; abalada e em silêncio. Ela parece como se alguém simplesmente tivesse dado um tapa nela, perplexa que a verdade possa ser torcida tão facilmente; sua agonia se tornando entretenimento de outra pessoa em uma revista barata. Pela primeira vez desde que eu a conheci, eu vejo Anastasia indecisa e relutante em entrar na SIP, ou andar, de todo, em qualquer direção. Parada no meio da vida, e seu caminho perdido. Foi-se a alegre mulher sensual com quem eu tinha estado essa manhã. Esses filhos da puta apenas roubaram sua alegria.

Sim, eu amaria que minha mulher estivesse em casa, e segura. Eu amaria que ela estivesse esperando por mim quando eu chegasse lá, mas em um canto escuro da minha cabeça, eu sei que isto iria, lenta mas seguramente, dar-lhe ressentimentos e escurecer sua faísca pela qual eu me apaixonei; eu não quero que a minha mulher perca a guerreira nela. Não por mim e, definitivamente, não por causa de algum porra de paparazzi.

"Dia de trabalho, Ana! Eu vou levá-la para sua mesa," eu sussurro, deixando-a saber que estou com ela.

"Talvez eu devesse ficar em casa hoje..." ela sussurra.

"Quando você cai da bicicleta, você anda de volta para casa, ou sobe de volta nela?" Eu pergunto, abrindo a porta conduzindo-a, ignorando todos os outros.

"Bom dia, Ana!” Grita a alegre recepcionista Afro-Americana.

"Oi Ana!" Pula sua assistente. Anastasia só pode acenar com a cabeça para elas fixamente.

Eu levo Ana para seu escritório, e eu poderia ter fechado a porta no rosto de sua assistente Hannah.

"Ana, baby, olhe para mim..." Peço a ela.

"É isso o que as pessoas realmente pensam de mim?"




Driven to Tears - Sting and Robert Downey Jr.


"Não! Isso é só a porra dos paparazzi espalhando boatos ou tentando irritar você. Mas eu vou processar e colocar seu fodido estabelecimento abaixo, peça por fodida peça! Por que importa o que os outros pensam? O que eu penso importa, mas não o que eles pensam! " Eu espeto meu polegar em direção à porta. Ela afunda em uma cadeira diante de sua escrivaninha.

"Mas, eles estão fazendo parecer que nosso bebê é uma ferramenta para mantê-lo comigo. Quem estaria espalhando essa notícia viciosa? Isso não é verdade de todo! Mais cedo ou mais tarde, alguém que me conhece ou com quem eu me importo vai pensar que essa é a verdade sobre mim,” diz ela, enquanto ela coloca a mão protetora sobre sua barriga.

"Ana, se eles acreditam nessa merda e não em você, então eles não são dignos do seu respeito."

"Mas, é tão fácil de acreditar. Mesmo você pensou que eu estava deixando-o pelo dinheiro, inicialmente,” murmura.

"Só porque foi você quem me disse que estava indo embora. Eu acreditei em você, e não no porra do paparazzi. Mas, eu fui  um babaca. Eu sei melhor agora. Você me ama, e eu com certeza a amo, baby! Este é um problema e vamos resolvê-lo juntos. Lembre-se, há tantas celebridades que vivem isso dia a dia. Cada um e todos os aspectos de suas vidas são examinados por outros. Você é famosa, porque você é minha esposa.Mas também porque você é uma bela mulher que fez algo corajoso.Algumas pessoas vão torcê-lo, não importa o quê. Eu farei tudo em meu poder para proteger você e nosso bebê. Enquanto isso, você tem que trabalhar hoje. Tenho certeza de que você tem toneladas de coisas para fazer. Eu vou arrumar esse problema hoje. Talvez a gente precise fazer uma entrevista sentada, com uma revista respeitável para acalmar os rumores e declarar sua gravidez. "

"Oh, eu não sei. Estou abalada."

"Ana,” digo levantando seu queixo para cima. "Vai ser em nossos termos, nosso lugar e nossa história. Ficamos com as perguntas de antemão. Vejo-as e as aprovamos juntos. Dessa forma, você tem o controle da situação. Ok?" Ela acena com a cabeça, distraída.

"Ana, por favor, você está me preocupando. Olhe para mim... " Eu peço. Seus olhos finalmente se focam e olham para mim.
"Você e eu, e este blip dentro de você. Nada nem ninguém mais importam. Não, não entregue o controle de suas emoções a esses filhos da puta. Para mim, sim. Para outra pessoa, não! " Ela respira estremecendo.

"Eu estou tentando. É só que, eu nunca fui acusada de algo tão vil, tão cruel e tão publicamente, quando eu quase morri e quase perdemos nosso bebê no processo de salvar Mia. Como alguém poderia pensar que eu tivesse alguma coisa a ver com isso?"

"Você está deixando os outros assumirem o controle sobre suas emoções, permitindo que estes pensamentos entrem em sua cabeça. O processo correto passa pelo nosso método de refutar essas acusações; porque nós sabemos a verdade. Vamos fazê-la aparecer, no nosso tempo, em nossos termos. O que você precisa fazer é recuperar o seu autocontrole."

"Como? Eu não posso viver em uma bolha fora da sociedade, Christian."

"Às vezes elas são necessárias como camadas protetoras. Nós não temos de responder às colunas de fofocas. Você vai ouvir e ver coisas que você não gosta. Isso faz parte da vida. As pessoas são atraídas para o dinheiro. Atraídos para a beleza. Atraídos para status. Porque isso representa o poder. Eles querem isso para si e alguns vão fazer de tudo para obtê-lo. Assim, a fim de alcançar seu objetivo, eles vão empregar meios desagradáveis ​​para destruir a pessoa ou prejudicar a ele ou a ela. Você tem que ter uma pele social grossa. Você tem amigos verdadeiros que a amam e se preocupam com você. Você me tem, seu marido, que é loucamente apaixonado por você. Nós temos um bebê a caminho. Temos tudo o que alguém pode desejar. Por que alguém que você nunca conheceu pode controlar suas emoções tão facilmente, espalhando algumas mentiras? " Pergunto arqueando as sobrancelhas.

"Porque eles são venenosos. Estou preocupada que eles possam machucá-lo, ou que você possa acreditar neles."

"Ahhh. Agora chegamos à raiz do problema. Quando eu segurei seu corpo frio em meus braços, meu mundo foi destruído. Você é o meu tudo. Algum fodido estranho vai gritar algumas palavras e mudar o que eu sinto por você? Eu vou rasgá-lo em pedaços. Eu nunca... nunca... deixarei ninguém prejudicá-la, física ou emocionalmente. Eu prometo. "

"Obrigada, Christian!” Diz ela com fervor e me abraça apertado. "Eu não sei o que eu faria sem você."

"Você nunca vai saber, baby. Porque, sou eu o que não pode viver sem você! Agora, de volta ao trabalho. Apenas meio dia  hoje.”

"Ok,” ela responde.

"Sawyer e Ryan vão ficar aqui com você. Não saia para o almoço. Eles vão trazê-lo para você. "

"Eu não vou sair” diz ela me segurando firmemente, como uma mulher se afogando. O meu coração aperta. Quem quer que esteja jogando este jogo, deixando esses filhos da puta soltos, vou fazê-los pagar. Eu beijo a minha esposa, e deixo-a na SIP com o coração pesado.

Quando chegamos ao SUV, eu me volto para Taylor, "você informou Welch?"

"Sim, senhor. Eu informei. Alguém está espalhando boatos por aí e deixando as revistas de fofocas fazer o trabalho sujo por eles. "

"Os seus caras estão de olho em Linc?"

"Sim, senhor. Vou pedir alguns relatos, esta tarde."

"Faça-o mais rápido. E quando chegarmos a GEH, coloque os fodidos advogados online. Eles querem um caçador de  cabeças, eles têm um!" Quem está por trás disso está fodendo com o homem errado. Meus olhos escurecem com raiva calculada e determinação. Meu Blackberry vibra. Eu retiro-o e verifico o e-mail.

_____________________________________________________

De: Alex Pella
Para: Christian Grey
Data: 01 de novembro de 2011
Horário: 09h03

Hey Grey!

Há rumores de que você tem um filho a caminho. Parabéns para vocês dois! Mas a verdadeira fofoca é que alguém está tentando atrapalhar as águas para você, para disfarçar alguma coisa para acontecer. Tudo o que você está experimentando agora é apenas uma diversão simples. Eu não sei ainda o que é essa outra coisa. Os lábios estão muito cerrados até agora. Mantenha seus entes queridos próximos, os inimigos ainda mais próximos. Nomes não foram mencionados, ainda. Espere que os esquemas sejam complicados. Fique de guarda. Eu vou manter meus olhos abertos e ouvidos perto do chão. Informarei a você se eu ouvir alguma coisa.

Seu amigo.

A.

_____________________________________________________

Porra! Quem está por trás de toda essa merda?





39 comments:

eliane cristina rosa leite said...

Ai meu deus... Alex Pella...ai abana...adorei esse capitulo, como sempre Emine fazendo um otimo trabalho junto com vc Neusa...ansiosa pelo proximo...bjs

Kenya Coutinho said...

Não acreditei quando meus olhos viram mais um capitulo!! Obrigada, Neysa!!

Agatha W F Tobias Santos said...

Nossa tudo de bom.... Meu Deus esse CG é d+ mesmo....
Adorei os relatos da sr Jones e Andrea... Muito bacana...
É vdd que terá o livro 5?????

Anonymous said...

Nem acreditei quando vi q tinha esse capítulo hoje, obrigada!

Natii said...

D.I.V.I.N.O, simplismete maravilhoso, que capitulo lindo meninas, amei Gail e Taylor conversando, eles são demais,é muito gratificante para nós ter vcs duas em nossas vidas Emine e Neusa, e saber que vcs duas dividem essas emoções conosco, eu nao me canso de ficar fascinada com cada capitulo, agente rir, chora quer pegar o nosso deus grego no colo, invejamos a Ana por toda essa emoção que ela vive , mais uma inveja boa né meninas, é simplismente maravilhoso nao me canso!!! Estou lendo dinovo e dinovo essa a historia estou no livro 1 capitulo 20 e é as mesmas emoções , as mesmas amooooo demaiss ... só peço continuem por que voces fazem nossa madrugadas mais que feliz :) muito obrigada é o minimo que posso fazer agradecer as duas por mais um capitulo...

Como sempre e pra sempre ansiosaaa por mais um...

Beijos a todas da Natii

Anonymous said...

Ai, ai ,ai!!!!!!!!! Emine assim vc me mata! Capitulo demais!!!!! Neusa como sempre surpreendendo!!!!
Minhas desconfianças ainda eståo na nova assistente!!!!!

Boa semana a todas!!!!
Bjs Lala


PS: Neusa querida vc ta muito sumida! Precisa aparecer mais por aqui!!!

Fer G. said...

Ai que tudo!!!!! ate é lindo do Alex entrou no capítulo.Amo de paixão esses dois.Neusa ,querida,obrigada por tudo.Emine thank you forever... beijos

Anonymous said...

sem palavras para descrever este capitulo com a conversa de gail e Taylor, a visão de andrea, email de alex , perfeito para começar mais uma semana. abraços para os anjos emine e neusa vocês são demais.

ivone

Claudia Ferreira Peixoto said...

Capitulo mais que perfeito.Maravilhoso!!!!É verdade que vai ter o livro V? Um grande beijo.

Rosangela Maria Cabral Corvalan said...

Meu Deus!! vou ser repetitiva..não tem jeito acho que já gastei todos meus adjetivos!! rsrsrs!!

Capítulo fantastico..conhecer o que a Gail pensa, a Andrea pensa é simplesmente fabuloso!!
A preocupação de todos e ainda o reaparecimento de Alex Pella!!

Tudo isso em um único
capítulo foi excepcional!!

Casamento marcado para 19.11..estaremos lá com certeza!!

Que lindo ver Christian apoiando e dando forças a Ana foi muito significativo para ambos!!

Parabéns mais uma vez Neusa por sua dedicação, sabemos que você faz isso por amor..o resultado está aí!!


Cadê as meninas???

Cadê nosso cafezinho??
Minha sugestão bolo de cenoura recheado...hum...me deu vontade mesmo!! rsrsrs

Beijos à todas e em espicial a Emine e a Neusa!!

volta amanhã

Rosângela

Mara Lins said...

Como foi bom poder vivenciar um momento íntimo entre Taylor e a Gail, ver o quanto respeitam a Ana e o que pensavam da vida que Christian levava antes de conhecê-la. Saber também peculiaridades de Andrea e Barney na GEH. E terminar o capítulo com um e-mail do delicioso Alexander Pella (tenho fome de mais Pella, mais Pella... rsrsrs).
Mais uma vez obrigada Emine e Neusa pela dedicação e perfeição).
Beijos à todas

Nilvânia said...


Meninas... eu estou super ausente, atrasada uns 5 capítulos.... super atrapalhada, completamente sem tempo pra ler nada, trabalhando mais horas no dia.... apenas focada no meu TCC... passei aqui só pra dar um oi e ver como estão os comentários.... Nem vou prometer que vou tentar chegar junto de vocês, mas quando sobra uns minutinhos leio uns parágrafos...
Beijos a todas!!

Olidelgi said...

Vc tá rápida, hein, Neusa??? que bom, somos nós que ganhamos com isso.
Capítulo magnífico, CG é divino. E o Taylor com receio de entregar o convite, não tem preço, sua ansiedade.
Obrigada!!!!!
A Emine continua arrasando, mas não vejo a hora do acerto de contas de Christian com o Linc, e que maravilha que o Alex Pella está do seu lado, esses dois juntos abalam as estruturas de todas nós.
Bjs,
Olidelgi

Joenes Carvalho said...

Novamente te parabenizo por mais uma tradução maravilhosa , Neusa o que seria de nós sem vc amiga? Muito obrigada pelo tempo dedicado a nós, mesmo você tendo uma vida tão ocupada, te admiro muito, bjssssss

Kátia said...

Bom dia!! Mais um excelente capítulo! Sem comentários!! Tomando um chazinho nessa manhã fria aqui em Minas....
Bjim a todas! :)

Neusa Reis said...

Oi meninas acho que estamos merecendo ficar de castigo por estar negligenciando nossas origens. A gente fica conversando no Face e esquece de manter a chama acesa aqui, onde tudo começou e onde dá
IBOPE prá nossa querida Emine. Vamos voltar ao nosso cafezinho aqui, chega de ficar comendo tanto, estou engordando muito. Estou correndo mesmo agora para alcançar a Emine, espero conseguir. Aí eu também descanso um pouco. bjs meninas

Rosangela Maria Cabral Corvalan said...

Concordo com você Neusa!!

Vamos voltar aos nossos cafezinhos aqui!!

Por falar nisso alguem sabe da Pao???
Ela sumiu!!
Adoro os comentários dela e faz tempo que não leio nada dela!!
Alguém a conhece??
Tem e-mail dela???

Meninas vamos turbinar esse blog!!

Beijos

Rosângela

Neusa Reis said...

Tem razão, Rosangela, a PAO sumiu. Ela mora no Chile e morou também no Brasil. Mas não tenho nada dela. Alguém a conhece? E tem outras também que estão caladas. Vou fazer um levantamento nos capítulos anteriores depois que eu alcançar a Emine. Bjs a todas

Alice said...

Aí gente que capítulo ! Cada um e melhor que o outro!
Dei gargalhadas com o Cristian e a leitura da lista dos nomes.....
Agora Emine, você trouxe o Alex de volta e será ele a ajudar o Cristian contra os planos diabólicos do Lincoln...
Muitas emoções ainda por vir e eu sou pura espectativa. Muito obrigada princesas!
Neusa querida, obrigada pela tradução.
Beijo Emine.
Beijo Neusa.
Beijo amigas do blog

PS: Já tem um bom tempo que tbem não vejo a PAO.

Tati said...

SOCORRO!!!! que capitulo!!! Adorei saber do taylor !!!!! parabéns !!!EMINE E NEUSA ESTOU CADA DIA MAIS APAIXONADA!!!!

Tatiana N said...

Olá meninas!
Capitulo maravilhoso, já estou ansiosa pelo próximo, amo esse casal.

Bjs

Anonymous said...

Já tem previsão de lançamento para a série Pella?
Neuza, espero que seja vc que faça a tradução... elas são ótimas!!!
Li só os primeiros capítulos e já estou ansiosa para ler a série completa!!!

Bjos

Jacque

Daysi Cristina said...

Só pra dar um oi aqui..
Ainda nem li esse capítulo, só li alguns parágrafos, pra ir matando a curiosidade!!

É uma boa hora para um suquinho de laranja, pq café comigo não rola nesse período da tarde :)

Ai meu coração, pelo q pude ver é um capítulo emocionante!! E o Pella apareceu... Q legal!! Hj a noite vou ler e depois comento.

Beijos Emine... Beijos Neusita!!
Meninaaaaaaaasss beijos pra vcs tbm ;)

Kátia said...

Oiiii!!!! Passadinha diária pra cumprimentar e ver se tem capítulo novo!!!!!!
Até mais!!!!

Glenda Suely said...

Como sempre MARAVILHOSO... E mistério a vista heim?Uma perguntinha pra Emine...Quando Gail relada que Leila corta os pulsos,em que momento da história foi? Fiquei meio perdida agora...Aguardo resposta.

Bjs queridas.

Anabela Encarnação said...

Ola desde Portugal lhes agradeço a companhia que me têm feito estes ultimos dias. Tem sido uma lufada de ar fresco que tenho vivido com estes capitulos. Espero ansiosa os proximos pois imagino como será o nascimento do filho. Nesta fase de minha vida um pouco conturbada. Voçês têm me dado alento para me levantar sabendo que vou ler mais um capitulo. Não demorem a publicar o que falta.
Um beijo com carinho

Kátia said...

Ai... quero capítulo novo..... rsrsrs

Anonymous said...

Oi Neusa, boa ideia essa do levantamento do pessoal, tem dente sumida! Não tenho face, mas segue meu email , se quiser entrar em contato: lania@marauto.com.br
Bom fim de semana a todas!
Bjs Lala

Rosangela Maria Cabral Corvalan said...

Boa noite meninas!!
Dando uma passadinha para saber como estão todas e ler os comentários para variar..rsrsrs..adoro saber a opinião das pessoas a respeito desses livros...é bastante interessante.

Pois é Neusa uma vez li que a Pao morou em São Paulo, você tem razão tem mais desaparecidas...vou pesquisar também desde o início assim lhe ajudo e vamos procura-las...tudo bem pra você??

Nossa Neusa e Emine que coisa mais linda que a Anabela Encarção falou me arrepiei..isso só mostra o quanto vocês fazem as pessoas mais felizes, parabéns vocês merecem muitos elegios mesmo!!

Boa noite à todas a gente vai se falando.

Beijos

Rosângela

Elizabete Basto said...

amei e estou ansiosa por mas

Elizabete Basto said...

amei e estou ansiosa por mas.é muito bom o trabalho que vcs duas estão fazendo ,e com isso fazendo de nos apaixonadas por CG mas ainda obg por tudo .

Anonymous said...

lindo capitulo vcs sabem cm escrever e traduzir um livro, parabéns. super ansiosa pelo próximo capitulo!!!

Neusa Reis said...

Oi Glenda Suely foi no Livro 1 quando ele foi para a Geórgia encontrar a Ana e a Leila teve um surto psicótico (até hoje não estou convencida disso, entrou no apt. do Christian e cortou os pulsos na frente da Gail, ele teve que voltar correndo e por aí foi... cap. XXVII Livro 1. Bjs

Anonymous said...

Capítulo MARAVILHOSO!
Ver num capítulo só o que Gail e Andrea pensam é fantástico e ainda Alex voltando é tudo de bom.
A melhor parte foi Christian dando forças para Ana, quando na maioria das vezes ela é quem o ajudava. Que mudança!
Obrigada Emine e Neusa pelo carinho e dedicação.
Hoje vou de sobremesa, um curau de milho verde com canela.

Bjs meninas Amadas

Pry

Glenda Suely said...

Valeu Neusa,me lembrei agora.Obrigada por sua atenção.Bj

Viviane Oliveira said...

Olá meninas, finalmente colocando a leitura em dia, vcs n imaginam a crise de abstinência estava me causando, acho até que emagreci uns quilinhos, hehehehe
Bem, estou outra uma vez ENCANTADA com mais esse capítulo. Neusa AMADA, me permita te chamar assim pq é isso que a sua tradução transmite,amor. Pois sabemos o qto vc se dedica na realização deste trabalho. Parabéns!
Emine vc simplesmente arrasou! Pensei até em economizar palavras já que tenho mais dois cap. p ler e comentar, mas n tem como. O seu trabalho é impecável. Ponto alto pra mim: amei conhecer esta bela pessoa que é a Gail, na versão da E.L. já a imaginava como uma pessoa amorosa pelo jeito que se referia a Ana principalmente, mas vc concretizou tudo o que imaginei destes personagens secundários. A riqueza dos detalhes que vc usa é única. A cena do benheiro, ela com a Ana nos braços pedindo pro Grey
trazer suas roupas, parecia que eu estava lá... o Grey perdido diante do closet.. enfim, ela falando com Taylor sobre eles... ñ posso falar nada além PARABÉNS!!
a Andrea tbém é espetacular, sou secretária executiva e confesso que aprendi algumas coisas com ela. Mto profissional, sempre um passo a frente na realização das tarefas exatamente do jeito que o Grey precisa. Arrasou!!
E mais uma vez o carinho e cuidado do C. com a Ana se desenrolando de maneira perfeita, agora, ele confiando nela a ponto de fazê-la enfrentar seus próprios medos; a "pitada de pimenta" que foi o e-mail do Pella... FANTÁSTICO!!!
Congratulatios!!
Amo Vcs! Bj

VIVI OLIVEIRA

Daniela Martins said...

Boa noite, meninas!
Garçom, por favor, mais uma rodada de Pella!
E vaaaaarias rodadas de Christian, please!
Coitada da Anastasia! Quem poderia estar preparado para ouvir acusaçoes ridiculas como aquelas, mas CG soube contornar tudo e fez com que Ana passasse a nao se importar com o que os paparazzi dizem!
Gostei muito da POV de Taylor e Gail! E ri muito da Andrea e Barney!
Emine, espero que vc tenha feito uma otima viagem! Aproveite muito!
Bjkas
Dani
;-)

Priscila Pessotto said...

Olá girls!
Você que está começando a ler o blog agora ou que já é leitora, agora a Série Pella disponível aqui no blog foi publicada em livro – ECOS NA ETERNIDADE- e em português.
A Emine Fougner colocou a versão em português do Ecos na Eternidade na Amazon, apenas esta semana, por apenas R$ 3,94. Corram para aproveitar o preço porque na próxima semana voltará ao preço normal.
É só acessar a pagina da amazon: www.amazon.com.br.
Vamos aproveitar!
Beijos,
Pry

Priscila Pessotto said...

Olá girls!
Você que está começando a ler o blog agora ou que já é leitora, agora a Série Pella disponível aqui no blog foi publicada em livro – ECOS NA ETERNIDADE- e em português.
A Emine Fougner colocou a versão em português do Ecos na Eternidade na Amazon, apenas esta semana, por apenas R$ 3,94. Corram para aproveitar o preço porque na próxima semana voltará ao preço normal.
É só acessar a pagina da amazon: www.amazon.com.br.
Vamos aproveitar!
Beijos,
Pry