StatCtr

Friday, March 15, 2013

Livro 1 - Capítulo XXIV - Christian Grey e Anastasia Steele


CAPÍTULO VINTE E QUATRO
GEORGIA ESTÁ NA MINHA MENTE
(GEORGIA’S ON MY MIND)

Tradução: Neusa Reis                                                                   
Edição/Revisão: Beatriz Reis


Eu acordo com um clima sombrio e chuvoso refletindo perfeitamente o meu próprio humor - escuro e sufocante. 

Marcello de Bach 

Como parte da minha rotina matinal, eu vou para a academia para malhar. Eu corro, levanto pesos e faço exercícios aeróbicos. Taylor também já está lá. Ele balança a cabeça, e dá a sua saudação de "Dia, Sr. Grey." Quando eu vou para o saco de pancadas, ele relutantemente me olha avaliando meu humor. Eu dou golpes de punição no saco de pancadas, fazendo Taylor ficar ainda mais desconfortável. Eu sou monossilábico, curto e menos do que agradável quando eu volto para o meu apartamento, deixando Taylor para treinar um pouco mais. Eu arranco fora minhas roupas de ginástica suadas, e mudo o chuveiro para quente, e fico sob a água escaldante chovendo nas minhas costas. Memórias de Anastasia neste chuveiro vêm à minha mente espontaneamente. Ela já deve ter desembarcado por agora. Já? Será que ela se esqueceu de mim? Será que ela me mandou um texto, ou me mandou um e-mail? Ela sente por mim o mesmo que eu sinto por ela? Passo a mão pelo meu cabelo sob a chuva de água quente, exasperado. Eu rapidamente me lavo e saio do banho, me secando rapidamente como se eu estivesse sendo perseguido pelos cães do inferno.

Na ordem das coisas a primeira é verificar meu Blackberry. Alívio flui em mim. Há uma mensagem de sua chegada segura às 5:30 h da manhã:

"Cheguei em segurança a Savannah. A J "

A Sra. Jones está colocando meu café-da-manhã. Minha omelete de costume. Eu tomo o meu café e suco de laranja. Eu verifico meus e-mails no meu Blackberry com a esperança de que ela me enviou um e-mail. E aí está:
_____________________________________________
De: Anastasia Steele
Assunto: Você gosta de me assustar?
Data: 31 de maio de 2011 06:51 EST
Para: Christian Grey

Christian, você sabe o quanto eu não gosto que você gaste dinheiro comigo. Eu sei que você é muito rico, mas o fato de você estar gastando dinheiro, ainda me deixa desconfortável, como se você estivesse me pagando para fazer sexo. Por outro lado, eu gostei de viajar de primeira classe, é muito mais civilizado que a econômica. Então, obrigada. De verdade! Eu gostei disso. Eu também gostei da massagem de Jean Paul, mas ele era muito gay. Omiti este detalhe no meu e-mail para enrolar você, porque eu estava chateada com você, e eu sinto muito por isso. Mas, como de costume, você exagera. Você não pode escrever coisas como essas para mim - amarrada e amordaçada em uma caixa - (Estava falando sério ou foi uma piada?) Isso me assusta... você me assusta... Eu estou completamente apanhada em seu feitiço, considerando-se o seu estilo de vida que eu nem mesmo sabia que existia até o último sábado, e então você escreve algo assim e eu quero correr gritando para longe. Eu não vou, é claro, porque eu vou sentir sua falta. Realmente sinto terrivelmente sua falta. Eu quero que o nosso relacionamento funcione, mas estou apavorada com a profundidade do sentimento que tenho por você e o caminho escuro por onde você está me conduzindo. O que você está oferecendo é erótico e sexy, e eu estou curiosa, mas eu também estou com medo de você me machucar, não apenas fisicamente mas também emocionalmente. O que vai acontecer se depois de três meses você se cansar de mim e disser adeus? Aonde isso vai me deixar, se você o fizer? Eu sei que este risco existe em qualquer relacionamento. Mas o que você está oferecendo não é o tipo de relacionamento que eu planejava ter, especialmente no meu primeiro. Você não sabe que enorme voto de confiança é para mim.

                Você estava certo quando disse que eu não tinha um único osso de Submissa no meu corpo... infelizmente eu concordo com você agora. Mas por outro lado, eu realmente quero estar com você. E se é isso que eu tenho que fazer para estar com você, eu gostaria de tentar. Embora sabendo quão insubmissa eu sou , eu vou tentar fazer o que você quer que eu faça  e vou acabar machucada - e eu não gosto nada dessa idéia.

                Estou também muito feliz que você disse que você vai tentar ‘mais’. O que eu preciso pensar é o que "mais" significa para mim; essencialmente, essa é a razão pela qual eu queria alguma distância entre nós. Você sabe Christian, você me deslumbra e me cega tanto que eu acho que é muito difícil pensar com clareza quando estamos juntos. Eles estão chamando o meu vôo. Eu tenho que ir. Eu vou escrever mais tarde.

Sua Ana
_____________________________________________

Eu olho para a minha tela em estado de choque! Estou satisfeito com a quantidade de comunicação que ela ofereceu, que é muito mais do que ela divulgou o tempo todo em que estamos juntos. Estou feliz e zangado ao mesmo tempo; porque ela sentiu que tinha que obter uma distância entre nós para escrever para mim, e comunicar-se comigo abertamente. Porque ela não quer fazer isso quando ela está aqui? Eu sou tão intimidante para ela?

Eu li a sua mensagem muitas e muitas vezes nos seguintes 45 minutos. Derrete meu coração que ela tenha sentimentos profundos por mim. Mas, também é preocupante que, apesar do fato de que ela é uma mulher forte e surpreendente e bonita, ela tenha uma tão baixa auto-estima quando se trata de aceitar o que eu quero fazer por ela. Porque eu não deveria cuidar dela? Então, e daí se eu tenho tanto dinheiro? Será que ela vai usar isso contra mim agora? Eu posso fazer o que eu malditamente entender com o meu dinheiro que eu trabalhei tão duro para ter!

Depois de uma análise criteriosa dos meus pensamentos, me propus a escrever uma resposta para ela. Meus sentimentos só se aprofundaram com sua comunicação aberta e pelo fato de que eu não quero nunca perdê-la, eu vou sempre procurar ser aberto com ela. Ela não sabe até onde eu iria para manter o seu afeto por mim.
_____________________________________________

De: Christian Grey
Assunto: Finalmente!
Data: 31 de maio de 2011 07:30
Para: Anastasia Steele


Anastasia

Você sabe o quanto eu fico aborrecido que só quando você coloca alguma distância entre nós, você se comunica aberta e honestamente comigo? Porque você não pode fazer isso quando estamos juntos?

Sim, eu sou rico. Acostume-se. Porque eu não deveria gastar meu dinheiro com você? Dissemos a seu pai que eu sou seu namorado, pelo amor de Deus. Não é isso que namorados fazem? Como seu Dom, eu espero que você aceite o que eu der para você sem nenhuma argumentação.

Aliás, diga à sua mãe também que eu sou seu namorado.

Eu não sei como responder ao seu comentário sobre o sentimento de ser uma prostituta quando eu faço coisas para você. Eu sei que não é o que você escreveu, mas lendo entre as linhas, é o que isto implica. Eu não sei o que posso dizer ou fazer para apagar e erradicar esses sentimentos. Não é óbvio para você que eu gostaria que você tivesse o melhor de tudo? Eu trabalho excepcionalmente duro, então eu posso gastar meu dinheiro como eu acho melhor. Eu posso comprar-lhe qualquer desejo do seu coração, Anastasia, e eu quero. Chame isso de redistribuição da riqueza se você quiser. Simplesmente saiba que eu não iria, nem poderia jamais pensar em você na forma como você descreveu, pois você é muito preciosa para mim e eu estou bravo que é assim que você se vê. Para uma  brilhante, espirituosa, jovem mulher bonita, você tem alguns problemas reais de auto-estima, e eu tenho em mente  marcar uma consulta para você com o Dr. Flynn.

Peço desculpas por assustá-la. Acho o pensamento de instilar medo em você abominável.

Você realmente acha que eu deixaria você viajar no porão? Pelo amor de Deus, eu te ofereci meu jato particular. Sim, foi uma piada, uma ruim, obviamente. No entanto, o fato é que - o pensamento de você amarrada e amordaçada me excita (esta não é uma piada - é verdade). Eu posso esquecer a caixa – caixas não dizem nada para mim. Eu sei que você tem problemas com mordaças,  nós  já  conversamos  sobre  isso  e  se  e quando eu amordaçá-la, vamos discutir isso.

O que eu acho que você não consegue perceber é que, nas relações Dom /sub é o sub que tem todo o poder. Isto é,  você.  Vou repetir isso - você é a única com todo o poder. Não eu.

No ancoradouro você disse que não. Eu não posso tocar em você se você disser não - é por isso que temos um acordo - o que você vai e não vai fazer. Se tentarmos coisas e você não gostar delas, podemos rever o acordo. Tudo cabe a você - não a mim. E se você não quer ser amarrada e amordaçada em uma caixa, então isso não vai acontecer.

O estilo de vida que eu tenho eu quero compartilhar com você. Na verdade, nunca existiu nada que eu quisesse tanto. Sinceramente eu respeito muito você, Anastasia! Você é alguém tão inocente e tão disposta a tentar. O que isso diz para mim sobre você é mais do que você jamais poderá saber. Sabe, o que você completamente falha em compreender é que sou eu que estou preso em seu feitiço, embora eu já tenha lhe dito isto muitas, muitas vezes. Eu realmente não quero perder você, baby. O que me põe muito nervoso é que você voou três mil quilômetros através do país para ficar longe de mim por alguns dias, porque você não pode pensar claramente perto de mim. É a mesma coisa para mim, Anastasia. Minha razão desaparece quando estamos juntos - esta é a profundidade do meu sentimento por você.

                Eu entendo o seu nervosismo. Eu tentei ficar longe de você, se você se lembra. Embora eu soubesse que você era inexperiente, eu não conhecia a extensão disso. Se eu soubesse exatamente quanto você era inocente, eu nunca teria perseguido você em primeiro lugar.  E ainda assim você ainda consegue me desarmar completamente de uma forma que ninguém fez antes. Um exemplo é o seu e-mail. Eu o tenho lido e relido inúmeras vezes, tentando entender o seu ponto de vista. Você está preocupada com a quantidade de tempo do nosso contrato. Três meses é uma quantidade de tempo arbitrária.  Poderíamos fazê-lo seis meses ou mesmo um ano. Quanto tempo você quer que ele seja? O que deixaria você confortável? Você precisa me dizer.

Eu sei e entendo que este é um gigante salto de fé para você. Eu tenho que e quero ganhar a sua confiança, mas por isso mesmo, você tem que comunicar-se comigo quando eu estiver falhando em fazer isso. Na superfície, você parece tão forte e auto-suficiente, e então eu leio o que você escreveu aqui, e eu vejo um outro lado seu. Nós temos que e precisamos, nos guiar um ao outro, e só posso receber pistas de você. Por favor, seja honesta comigo, pois nós ambos temos que encontrar uma maneira de fazer este acordo funcionar. Você se preocupa em não ser submissa. Bem, talvez isso seja verdade. Tendo dito isto, o único lugar que eu quero que você assuma sua postura de submissa é na minha Sala de Jogos e é o único lugar onde você precisa me deixar exercer um controle eficaz sobre você, e o único lugar em que você fará o que lhe é dito.

Exemplar é o termo que me vem à mente. E eu nunca vou bater em você preto e azul. (N.T. Cor das manchas que ficam na pele). Eu busco o rosa. Fora da sala de jogos, eu gosto que você me desafie. É uma experiência muito nova e refrescante, e eu não gostaria de mudar isso. Então, sim, me diga o que você quer em termos de ‘mais’. Vou me esforçar ao máximo para manter uma mente aberta, e eu vou tentar dar-lhe o espaço que você precisa e ficar longe de você enquanto você está na Geórgia. Estou ansioso pela próxima mensagem.
Enquanto isso , divirta-se na Georgia, mas não muito.

Christian Grey
CEO, Grey Enterprises Holdings Inc.
_____________________________________________

Eu clico enviar depois de ler meu epitáfio a Anastasia. Espero que eu tenha esclarecido tudo o que a preocupava. Eu quero que esse arranjo, esse relacionamento de "mais" funcione. Eu tenho sentimentos profundos por ela, e ela é minha "mais", e para todos os efeitos, eu sou o namorado dela. Eu realmente amo esse título, porque me dá mais propriedade sobre ela, dizendo aos outros que ela é minha, e para ficar longe dela.

Eu leio sua mensagem novamente. Ela tem sentimentos por mim! Eu fecho meus olhos, enquanto o alívio me inunda. Eu ansiava por ouvir isso. Mas, por outro lado, o que ela declarou em seu e-mail também me faz sentir medo. Merda! Estou longe há menos de 24 horas e eu tenho esse sentimento rasgando meu âmago. Eu sinto falta dela de uma forma dolorosa na alma! É sobre querer algo com o mais profundo desejo que você já teve e estar com medo do desejo do seu coração, porque o que ele oferece é muito fora dos padrões a que você está acostumado.

Eu tenho um dia de trabalho muito cheio pela frente. Taylor está pronto, em seu terno escuro e óculos de sol escuros, para me levar para GEH. Sento-me na parte de trás do SUV Audi. Eu observo os olhos de Taylor se voltarem para mim no espelho retrovisor. Eu olho para ele questionando. Então eu percebo o barulho. Sou eu, nervosamente batendo no assento com meus dedos, como os quatro cavaleiros do apocalipse. Eu friamente movo os olhos para fora da janela, e me obrigo a parar de tamborilar meus dedos em um gesto nervoso. Por que a partida de Anastasia para uma visita a sua mãe tem um efeito tão profundo em mim? Ela vai estar de volta nesta sexta-feira.

Eu entro em meu escritório com domínio total e com mais fervor do que de costume. Eu vejo Andrea e a estagiária hesitarem automaticamente. Taylor anda atrás de mim, impassível. Andrea se apressa a seguir-me, depois de dar um breve olhar para a estagiária, com uma braçada de pastas em seu braço.

Eu vou para minha cadeira de couro enorme atrás de minha mesa ornamentada e muito cara. Andrea se aproxima com seu cabelo loiro, profissionalmente arrumado, com traje impecável, digno de alguém que trabalha para minha empresa. Ela hesita um pouco com meu olhar impaciente.

"Senhor, o Sr. Bill Casing e o Sr. Barney estão aguardando para ver você esta manhã. Quem você gostaria de ver primeiro? "

 Eu fico olhando para ela. Isto é inesperado. Embora eu pretendia ver os dois, hoje, eu não os esperava tão cedo. Meu olhar impassível e meu silêncio fazem Andrea estremecer. Na minha visão periférica eu vejo Taylor virando o rosto para a direção oposta. Eu suspiro.

"Barney primeiro", digo finalmente.

"Sim, senhor", diz ela um pouco aliviada, depois se vira para mim e pergunta: "Eu esqueci de lembrá-lo senhor. Você tem uma consulta com o Dr. Flynn hoje às às duas horas" ela diz e eu concordo . Ela finalmente se apressa para fora de meu escritório para chamar Barney. Barney entra, cumprimenta com um "Sr. Grey, " e estende a mão para mim. Eu vejo seu rosto estremecendo. Ah, eu devo ter apertado sua mão mais do que um aperto de mão normal. É um dia nervoso para mim com a partida de Anastasia, e eu não posso livrar-me de sentir a sua ausência. Meu dia continua com uma reunião atrás da outra. Eu encontro Ros para o almoço, para discutir o peso morto da empresa que estamos carregando e que não está produzindo lucro.

"Nós chegamos a um impasse, Ros. A meta é economizar ou não economizar, eu dei a esta empresa um ano inteiro para salvar a si mesma, e temos investido bastante dinheiro nela para salvá-la da liquidação. Ela precisa fazer seu trabalho ou temos que liquidar. Não é justo para as outras empresas que possuímos que estão trabalhando duro para sustentar algo que não está funcionando. Largue-a! Você tem duas semanas para fazer algumas mudanças. Se não estiver mostrando progressos, eu não estou interessado em manter! "  Eu digo.

"Sim, senhor", responde ela.

Taylor se aproxima depois de verificar o seu telefone. Inclina-se e sussurra: "Senhor, Bastille está disponível e esperando por você no ginásio, na hora que quiser ir malhar."

Concordo com a cabeça, e digo: "depois do almoço."

"Sim, senhor", ele responde e assume sua posição imóvel de estátua no canto. Eu aperto a mão de Ros, e vou para o meu treino. Hoje eu passei duas horas com Claude Bastille porque eu sou incapaz de me livrar dessa ansiedade que está nublando meu juízo e fazendo as pessoas inusualmente inquietas em torno de mim. Mesmo Bastille percebe, depois que eu jogo sua bunda no chão pela terceira vez.

"O que eu disse ontem eu mantenho , homem! Você está um inferno na terra esta semana! O que há? " diz ele.

"Eu disse a você. Eu estou recuperando as sessões perdidas, " eu digo.

Ele me olha com desconfiança, enquanto minha mente se pergunta a razão principal porque eu estou no limite e vamos um contra o outro novamente. A distração de meus pensamentos fornece-lhe a abertura que ele precisa, e eu estou com minha bunda na esteira.

"Três a um Grey!", Diz ele. "Eu não vou sair, pelo menos até eu fazer a minha pontuação empatar!" Eu sorrio.

"Segure, Bastille!" Outros que estão treinando vêm nos ver um contra o outro. Bastille precisa de mais de trinta minutos para igualar o placar, mas eu o ultrapasso mais uma vez. Saímos com a nossa pontuação desigual – eu do lado dos vencedores, e um Bastille sorridente prometendo conseguir amanhã.

Depois da minha sessão de treino intenso, eu rapidamente tomo um banho, e me encaminho para  o Dr. Flynn.

"Olá, Christian", diz o Dr. Flynn serenamente, olhando-me intencionalmente.

"Olá John," é a minha resposta quando eu tomo o meu lugar habitual no sofá de couro. John tem sua pasta de couro na mão com sua caneta  tinteiro.

"Como tem passado?", Pergunta ele.

"Para dizer a verdade, John, eu estive bem quando você estava de férias, mas não mais desde ontem", eu digo.

"Isso tem alguma coisa a ver com a jovem com quem está se encontrando?", pergunta ele. Só o John para dizer isto  tão suavemente.

"Sim, tem." Ele acena com a cabeça, e gesticula para eu ir em frente.

"Ela está fora da cidade, agora, e eu encontro-me completamente inquieto com a ausência dela", eu digo surpreendendo-me com a angústia na minha voz.

"Como assim?"

"Eu não sei, John!" Eu digo exasperado. "Este é um conceito completamente novo para mim. Eu sinto que eu estou tendo uma crise de ansiedade de separação que não faz sentido. Eu nunca tive esse tipo de sentimento antes! Sou um homem crescido, mas ainda me vejo fazendo minha equipe ficar desconfortável perto de mim desde o segundo em que ela deixou a minha casa, " eu digo suspirando.

"Mais do que o habitual?" John diz me fazendo apertar meus olhos para ele, mas ele não recua. Ele olha para mim com expectativa. Eu finalmente sorrio.

"Sim, mais do que o habitual", eu digo.

"Essa Anastasia está tendo um grande efeito sobre você. Estou muito intrigado. Eu gostaria de conhecê-la, " diz ele, o que é incomum para um psiquiatra  dizer mesmo que seja  o Dr. John Flynn.

"Você pode encontrá-la na casa de meus pais no evento anual de caridade na próxima semana", eu digo.

"Eu estou ansioso por isto. Agora, me diga por que ela saiu da cidade. É a família, férias, negócios, ou algo mais? " ele pergunta com curiosidade mal contida.

"Ela foi para a Geórgia para ver sua mãe, mas essa é a sua história de cobertura", eu digo enquanto John levanta as sobrancelhas.

"História de cobertura?"

"Eu sei que ela sente falta de sua mãe, mas ela foi para lá para ficar longe de mim, porque ela disse que não pode pensar claramente perto de mim", eu puxo seu e-mail do meu bolso, e encontro a linha onde ela declarou isto. "Ah, bem aqui", eu digo, enquanto John estreita tanto os olhos que você pode vendá-lo com fio dental,  surpreso que eu carregue seu e-mail comigo.

"Ela diz aqui, e cito ‘Eu quero que o nosso relacionamento funcione, mas estou apavorada com a profundidade do sentimento que tenho por você e o caminho escuro por onde você está me conduzindo. ’ E esta linha seguinte, quando ela diz que ‘O que eu preciso pensar é o que "mais" significa para mim; essencialmente, essa é a razão pela qual eu queria alguma distância entre nós. Você sabe Christian, você me deslumbra e me cega tanto que eu acho que é muito difícil pensar com clareza quando estamos juntos’" Eu leio com um suspiro.

"Você vê John, esta é a maneira que eu me sinto perto dela. Eu perco minha razão. Eu sou como um homem embriagado que perdeu sua direção, mas então novamente, estou mais alerta, porque ela abre os meus olhos para algo que eu nunca tinha experimentado antes. Eu me sinto jovem e feliz. 

Forever Young by Mr. Hudson ft Jay-Z

Eu sinto alegria com ela. Sua ausência me afoga. Eu não aguento isto!" Eu digo exasperado com a minha mão correndo pelo meu cabelo.

John olha para mim com a sua boca aberta, e quando eu paro de falar, ele se refaz e diz.

"Existem algumas palavras-chave em que eu quero focar a partir do que você leu e do que você declarou. A primeira palavra é ‘mais‘. Eu também estou curioso sobre o que 'mais' significa para você. Todos os seus relacionamentos anteriores tinham sido estritamente um relacionamento Dom / Sub, e você estava completamente convencido de que este era o único tipo de relacionamento em que você sempre estaria interessado. É uma coisa do passado agora? "

"Não por si só, John. Anastasia é uma mulher que eu quero mais do que tudo que eu sempre quis. Ela deseja-me com "mais", e eu desejo a ela. Eu estou disposto a me comprometer por ela, e eu me vejo gostando da parte do "mais". Eu não vou desistir do que eu sou, o que me define, e o que eu gosto. Estou apenas redesenhando minhas linhas de batalha, e os limites. Anastasia apresentou-me um novo conceito, " eu digo sorrindo. "Compromisso. Eu estou disposto a fazer isso por ela. Eu conheci o seu pai, e ele me conhece como seu namorado. Eu disse a Anastasia para contar à mãe o mesmo. Sua melhor amiga me conhece como seu namorado, "  eu digo, com uma careta, e isto não escapa ao olhar de John.

"Claro, minha família conheceu-a, apaixonou-se por ela, e eles a conhecem como minha namorada. Eu acabei gostando deste título. Então, sim, ela é minha namorada, mas eu gosto que ela seja minha sub em minha  ‘Sala de Jogos’ " eu digo.

"E você está bem com isso?", pergunta o Dr. Flynn. Eu penso sobre isso por um minuto.

"Sim. Eu prefiro compromisso a perdê-la. Mas, eu também me vejo gostando do compromisso. É incrivelmente refrescante... com Anastasia, quero dizer. "

"E você tem o desejo de puni-la e machucá-la? E sobre essas tendências, como você acha que Anastasia iria lidar com elas? "

" Esses sentimentos ainda estão lá. Eu tenho que ir devagar com Anastasia no momento, porque isso não é algo  com que ela está familiarizada. Ela não tem referências. Ela nem mesmo apanhou quando criança. "

"Então, por que você acha que você quer infligir dor a ela?", Pergunta ele.

"Nós já discutimos isto no passado, John! Eu sou um sádico. Eu não consigo impedir esses sentimentos. Isso complementa algo que não foi atendido em minha infância. "

"Christian, você e eu discordamos disso. Você não é um sádico. Você teve coisas indizíveis feitas para você, quando era criança. Você ainda está trabalhando essas questões, e o que você deseja fazer para as mulheres é um reflexo, no seu subconsciente, do que foi feito para você e da raiva que você tem da sua mãe biológica por não protegê-lo daqueles que infligiram estes horrores a você. Em minha opinião profissional, você não é um sádico. Mas você foi emocionalmente privado em seus primeiros anos, o que então, em troca, lhe deixou emocionalmente atrasado em relação a aquilo que sua idade deveria lhe  garantir. Quanto ao crescimento emocional em causa, você é o equivalente a um adolescente, e você tem alguma atualização a fazer.  Ter sido definido em sua forma também está dificultando seu desenvolvimento emocional, mas o que eu vi em você nas três últimas semanas é muito promissor. Isso me mostra que você está disposto a dar a si mesmo a chance de crescer nessa área, e isto é uma das chaves  que  lhe permitirá trabalhar com os problemas que você tem ", diz ele.

"John, eu acho que Anastasia está certa sobre você", eu digo com um sorriso malicioso.

Ele olha curioso, “de que maneira?", Pergunta ele.

"Ela disse que você é um charlatão caro", eu digo sorrindo. Ele ri desta afirmação.

"Bem, ela pode estar certa. Eu sou caro, mas charlatão, quem sabe, talvez eu seja um, " diz ele ainda rindo. "Eu posso entender porque você está intrigado com ela. Estou ansioso para conhecê-la, " ele diz . Outro admirador que nem sequer a conhece.

"Quando é que ela vai voltar da Geórgia?"

"Nesta sexta-feira," eu digo com uma expressão tão desesperada como se fosse uma distância de dez anos. John olha para mim no seu curioso modo ‘chamando Dr. Freud’.

"É muito claro que você sente falta dela. Como você está lidando com isso? " Pergunta ele com simpatia em sua voz.

"Muito mal. Quero dizer, não lido nada bem. Eu sinto terrivelmente a falta dela, e eu tenho medos, preocupações e anseios. " Eu digo.

"Medos e preocupações são duas expressões que eu quero focar. Do que você tem medo e com que você se preocupa? " ele pergunta.

"Eu temo que ela possa se decidir contra nós. Temo que uma vez que ela está longe, ela decida que ela pode ficar sem mim," eu digo, enquanto minha respiração trava, e o Dr. Flynn percebe isso e ele anota  algo em sua pasta de couro. "Eu me preocupo de que alguém possa avançar quando eu não estou por perto. Inferno, mesmo quando eu estou por perto, há uma abundância de pretendentes, " eu digo.

"Você tem medo de um pouco de competição?"

"Eu nunca fugi de uma competição. Mas ela é minha! Ela não é um prêmio para se competir por ele. Não quando se trata dela, e de sua afeição. Eu não posso lidar com isso, Dr. O pensamento de alguém mais tê-la é como uma faca esfaqueando repetidas vezes meu coração. Eu não posso lidar com isso!" Ele toma mais algumas notas em sua pasta de couro cara.

"Christian, eu te conheço há alguns anos agora, e eu tenho sido seu terapeuta, e seu amigo. Eu sei que você é um homem muito forte. Fisicamente e emocionalmente. Na verdade, eu ouso dizer que você era até mesmo calejado emocionalmente, em alguns assuntos, como eu disse claramente para você no passado. Mas, o que eu leio de você agora é que Anastasia tanto o fortalece como o enfraquece emocionalmente. Você sabe o que isso significa?"

Eu balanço minha cabeça com sua avaliação contundente, mas eu lhe pago por seu atrevimento não convencional. Ele sorri e acrescenta, "L'on est bien faible quand on est amoureux".

"Mas", eu refuto, " essa afirmação tem um pré-requisito de se estar apaixonado. Como você disse, " ‘Fica-se muito fraco quando se está apaixonado’, mas eu não acho que eu estou apaixonado!" afirmo fortemente. 

You're Nobody Till Somebody Loves You by Dean Martin

"Eu tenho fortes sentimentos por Anastasia, que eu não sou capaz de dar um nome no momento, mas eu não amo, Dr.  Eu sou incapaz de amar. "

"Christian, o amor não é uma emoção ruim. O amor é uma emoção poderosa, uma emoção muito grande, uma emoção plena.  L’amour fait les plus grandes douceurs et les plus sensibles infortunes de la vie,” afirma.

"Como você disse Dr, ‘o amor faz os mais doces prazeres e as piores desgraças da vida; ’  Eu só estou com medo das desgraças que ele pode apresentar, e eu acredito que se pode alcançar os mais doces prazeres sem amor ".

"Ah, mas eu discordo. Alguns dos prazeres só podem ser sentidos em sua totalidade e profundidade, apenas se se está apaixonado. Eu posso ver que você sente a profundidade e a totalidade de uma certa emoção. E você está claramente com medo desse sentimento. Mas, você negar o nome da emoção não muda o que ela é. O principal motivo de  você estar negando esse sentimento é porque você se sente indigno dele. Mas o amor não tem nada a ver com justiça. Ele apenas é. Deixe-me perguntar-lhe isto. O que você faria por Anastasia? Será que você desistiria de seus caminhos? Você se comprometeu com ela que é algo que você nunca fez com ninguém antes.  Você deu-lhe espaço para pensar, embora você sinta  terrivelmente sua falta.  Estas  são  coisas  que estão completamente  fora  do  normal para Christian Grey. "

Eu penso profundamente por um minuto. "Eu faria qualquer coisa para ficar com ela. Para mantê-la segura. Para mantê-la minha. Ela é minha! " digo.

"E se ela não corresponder a seus sentimentos?"

Eu sinto meu coração apertando. "Eu não sei se eu poderia lidar com isso. Seria ferir-me profundamente. Mas eu faria qualquer coisa para fazê-la feliz... Eu não quero pensar nisso, Dr. É muito duro para mim neste momento sabendo que ela nem mesmo está na cidade, " eu digo exasperado.

C’est cela l’amour, tout donner, tout sacrifier sans espoir de retour,” ele afirma.

"O Amor é tudo dar, tudo sacrificar, sem esperança de retorno," murmuro com a sua declaração. "Mas eu não faço amor Dr. É uma emoção inútil, um impedimento. Algo que coloca a pessoa fora de foco. Você sabe o quanto é importante para mim,  ter controle. Amor coloca fora de controle. Então, apenas não é para mim."
"A coisa interessante sobre o amor é que ele não nos pergunta se queremos perder o controle. Está na própria definição de amor. Mesmo os produtos químicos que nosso corpo libera quando amamos são  bastante semelhantes a aqueles da  loucura. "

"Ótimo!" Eu digo zombando: "Você está me incentivando a ser quase louco?"

"Eu estou encorajando você a ouvir seus próprios sentimentos. Se você não tem conhecimento de seus próprios sentimentos, você não tem uma maneira de lidar com eles, ou você não sabe como responder. Nossos corpos e mentes nos falam na sua própria maneira. Agora, sua mente está falando com você. Se você quer ouvir o que ela tem a dizer só depende de você, Christian. Como você reage ao que ela diz, depende de você. Ninguém pode nos empurrar para nos apaixonarmos por alguém. O tipo de energia, conexão, atração, desejo, estática, e a profunda conexão que o amor gera, não pode ser duplicada, copiada ou clonada. É raro encontrar isso, é como uma aposta de vida, mas é ainda mais raro ter alguém que retribua esses sentimentos com a mesma intensidade. Então, parte de sua terapia é aprender a ouvir a si mesmo de forma eficaz, se você deseja externar seus sentimentos, mas escutar e ouvir são duas coisas diferentes. Nossas mentes e corpos falam uma linguagem diferente. Você precisa aprender a interpretar isto corretamente. Neste momento, você está negando a sua interpretação, porque você se sente indigno. Você deve aprender a distanciar-se dos sentimentos negativos.”

"É mais fácil falar do que fazer , John", murmuro.

"Eu sei disso. Mas não machuca praticar.”

"Eu ainda acho que é uma emoção inútil. E eu ainda afirmo que eu não amo."

"Vamos apenas concordar em discordar", diz ele sorrindo. "Vamos nos encontrar na próxima semana, no mesmo horário, então?"

"Sim, claro", eu digo checando meu horário. Eu aperto sua mão, e Taylor me leva de volta ao Escala.

No momento em que chegamos ao Escala, já passa das quatro horas. Tenho verificado periodicamente o meu e-mail, mas não há nenhuma mensagem de Anastasia. Eu a assustei com o meu epitáfio? Estou preocupado que eu o tenha feito. Quero ligar para ela, ou escrever para ela, mas eu não quero forçar muito. Ela foi embora para ter um tempo longe de mim para organizar seus pensamentos. Eu não quero me impor a ela dentro desse prazo. Nós entramos na garagem do Escala, e Taylor me desembarca enquanto ele vai estacionar o SUV. Eu aperto o botão para chamar o elevador, e pressiono o meu código para ir até o meu apartamento. Neste pequeno espaço beijei Anastasia várias vezes. Os pensamentos sobre ela vêm espontaneamente, e apertam meu coração. Eu não posso perdê-la! Eu não posso. Eu quero que o ‘nós’ funcione! Enquanto eu estou ocupado pensando nela, o meu Blackberry vibra deixando-me saber que eu recebi um e-mail. É dela?

Eu verifico para ver a mensagem e, enquanto o alívio corre através de mim, eu fecho meus olhos, e em seguida, abro a mensagem enquanto minha mente entra em foco.

_____________________________________________
De: Anastasia Steele
Assunto: Verbose?
Data: 31 de maio de 2011 19:07 EST
Para: Christian Grey

Senhor, você é um escritor muito loquaz como o seu e-mail testemunhou. Eu tenho que ir para jantar no clube de golfe de Bob, e apenas para sua informação, estou revirando os olhos com o pensamento disto. Uma vez que você e suas palmas das mãos nervosas estão muito longe, meu traseiro está seguro por enquanto. Eu realmente amei o seu e-mail. Eu vou escrever uma resposta quando eu tiver tempo. Eu já estou sentindo falta de você.

Aproveite sua noite.

Sua Ana
_____________________________________________

Ver sua mensagem me deixa muito, muito relaxado, como se eu estivesse banhado nela. Ela sente falta de mim! Eu releio a mensagem, especialmente a linha onde ela disse que sentiu minha falta, uma e outra vez. Eu fecho meus olhos e deleito-me com o sentimento. Então eu digito uma mensagem para ela em resposta.
_____________________________________________
De: Christian Grey

Assunto: Seu traseiro
Data: 31 de maio de 2011 16:09
Para: Anastasia Steele

Querida  Srta Steele,

O título de seu e-mail me perturbou. Escusado dizer que você e seu traseiro estão seguros no momento.

Por favor, aproveite o seu jantar. E só para você ficar sabendo, eu sinto sua falta também - especialmente seu traseiro e sua boca inteligente.

O pensamento de você e seu rolamento de olhos vai iluminar minha - que seria de outra forma,  uma tarde monótona. Foi você que apropriadamente apontou para mim que eu também sofro com esse hábito desagradável.

Christian Grey
CEO & Rolador de Olhos, Grey Enterprises Holdings Inc.
_____________________________________________

Estou preso em seu feitiço e momentaneamente distraído do meu nervosismo que esteve me inibindo desde que ela deixou a cidade. Mas mesmo essa mera conexão via e-mail melhora a minha alma devastada. Eu fico olhando para o monitor, como se Anastasia fosse aparecer através dele. Minha única conexão com ela no momento. 

Closer by Kings of Leon
_____________________________________________
De: Anastasia Steele
Assunto: rolando os olhos
Data: 31 de maio de 2011 19:13 EST
Para: Christian Grey

Caro Sr. Grey

Pare de me mandar e-mails, senhor. Estou ocupada aqui, tentando me preparar para o jantar. Você sabe, você é  muito perturbador mesmo se você está do outro lado do continente. E uma vez que você também sofre com o péssimo hábito de rolamento de olhos, quem espanca você quando você faz isso?

Sua Ana
_____________________________________________

Minha baby brincalhona e  sua boca inteligente! Como eu sinto falta das duas!
_____________________________________________
De: Christian Grey
Assunto: Seu traseiro
Data: 31 de maio de 2011 16:17
Para: Anastasia Steele

Querida  Srta Steele,

Baby, eu ainda prefiro o meu título ao seu em um sem número de maneiras diferentes. Não é sorte que eu seja o mestre do meu destino e ninguém pode me repreender? Há exceções a esta regra, claro, que incluem a minha mãe, ocasionalmente, e o Dr. Flynn, é claro.  E você.

Christian Grey
CEO, Grey Enterprises Holdings Inc.
_____________________________________________

Eu revelei outro pedaço de mim nesta mensagem. E quer eu goste ou não -  e eu principalmente gosto, e me vejo gostando disto,  de que Anastasia pode e vai castigar-me. É refrescante. Ela faz o seu próprio caminho para a minha alma e meu coração. Sua resposta vem dentro de alguns minutos.
_____________________________________________
De: Anastasia Steele
Assunto: castigando... Eu?
Data: 31 de maio de 2011 19:21 EST
Para: Christian Grey

Caro senhor
De onde eu ia tirar coragem para castigar você? Você pode estar confundindo-me  com outra pessoa e, se este for o caso, é muito preocupante. Eu realmente tenho que me arrumar agora.

Sua Ana
_____________________________________________
Eu envio a  resposta imediatamente.
_____________________________________________
De: Christian Grey
Assunto: Seu traseiro
Data: 31 de maio de 2011 16:24
Para: Anastasia Steele

Cara Srta Steele,

Você me castiga todo o tempo por escrito. Posso levantar o zíper de seu vestido?

Christian Grey
CEO, Grey Enterprises Holdings Inc.
_____________________________________________
Eu realmente desejaria estar lá. Será que ela sequer percebeu o que isto faz em mim, quando ela diz que está se preparando para ir a algum lugar? Eu penso nela despindo seu sutiã azul e a lingerie de renda. Em seguida, colocando um vestido... decotado, decote longo atrás. Curto. Mal cobrindo seu traseiro delicioso. Argh! Por que estou me torturando assim?
_____________________________________________

De: Anastasia Steele
Assunto: NC-17        (N.T. Proibido para menores de 17 anos)
Data: 31 de maio de 2011 19:27 EST
Para: Christian Grey

Eu preferiria que você abrisse o ziper do meu vestido.
_____________________________________________

WTF?   (N.T. What The Fuck) Mas que merda, baby, não me torture! Você não está aqui! Eu vou entrar em combustão espontânea aqui! Ou pior, vou interromper minha intenção de dar-lhe o espaço que você quer, e pular no meu avião e ir até você...
_____________________________________________
De: Christian Grey
Assunto: Cuidado com o que você deseja...
Data: 31 de maio de 2011 16:24
Para: Anastasia Steele

Que eu também desejo.

Christian Grey
CEO, Grey Enterprises Holdings Inc.
_____________________________________________
De: Anastasia Steele
Assunto: Ofegante
Data: 31 de maio de 2011 19:32 EST
Para: Christian Grey

Vagarosamente ...
_____________________________________________

Porra! O que você está fazendo comigo Anastasia? Eu corro ambas as mãos pelo meu cabelo, colado ao meu laptop como um adolescente com tesão à espera de que sua garota lhe dê uma migalha!
_____________________________________________
De: Christian Grey
Assunto: Gemendo...
Data: 31 de maio de 2011 16:34
Para: Anastasia Steele

Queria estar aí.

Christian Grey
CEO, Grey Enterprises Holdings Inc.
_____________________________________________
Então eu digo isto... E a bola está no seu campo, Srta Steele. O que você diz a isso? Eu nervosamente espero ela responder.
_____________________________________________
De: Anastasia Steele
Assunto: Gemendo...
Data: 31 de maio de 2011 19:36 EST
Para: Christian Grey

EU TAMBÉM
_____________________________________________
Minha respiração trava com sua resposta. Ela me quer lá! Ela sente falta de mim! Será? Ela diz que sente em letras maiúsculas. Será que ela quer que eu vá? Outra mensagem ding logo depois.
_____________________________________________

De: Anastasia Steele
Assunto: Gemidos
Data: 31 de maio de 2011 19:36 EST
Para: Christian Grey

Tenho que ir.

Laters, baby.
_____________________________________________
O quê? Não! Estava ficando tão bom! Não me deixe pendurado aqui, Anastasia!  Argh! Mesmo a sua ausência de seu computador me põe nervoso. Vamos, baby! Eu já senti tanto sua falta!  E eu estava sonhando em abrir o ziper do seu vestido...
_____________________________________________
De: Christian Grey
Assunto: Plágio
Data: 31 de maio de 2011 16:40
Para: Anastasia Steele

Você roubou meu bordão, baby.
Sem mencionar que me deixou pendurado.
Aproveite o seu jantar com sua família.

Christian Grey
CEO, Grey Enterprises Holdings Inc.
_____________________________________________

Eu vou e tomo uma ducha fria para esfriar os efeitos da Srta Steele em mim, sem sucesso. O que você faz comigo, minha bonita mulher feiticeira? Eu não estou com cabeça para pensar nisso agora. Meu subconsciente me diz para ser paciente e dar-lhe o espaço que ela precisa. Eu me sustento, com meus braços nas paredes de azulejo frias do chuveiro, cabeça baixa, a água fria chovendo em mim e o pulverizador em três direções diferentes, sem qualquer efeito de resfriamento.

"Anastasia! Preciso de você mais do que você imagina!" Murmuro, e desligo lentamente a água

When I Need You by Rod Stewart


7 comments:

Neusa Reis said...

Georgia's on my Mind é o nome de uma música do cantor Ray Charles. Recomendo escutar, muito linda. Este capítulo mostra o desespero crescente do Christian. Um banho quente no começo e um gelado no final. E prepara para o jantar com a 'vadia' pedófila, no capítulo 25. É, eu odeio a Bitch Troll. Aproveitem. E obrigada de novo, Emine, por nos despertar tantas emoções. Bjs

Anonymous said...

Adorei....estou ansiosa por o próximo apesar de ter a estupida da Elena não gosto nada dela....e nao entedo como o Christian dar se tão bem com ela e pde opiniao para tudo...porque????
Por favor ponha o próximo capitulo...
Amo estes livros....
Vais postar mais amanha?

anne caroline godoi said...

Porfavor Neusa agradeça a Emine por mim,essa mulher incorporou definitivamente o Christian,rs
Bem o próximo capitulo será com a vadia velha...vou preparar meu saco...

Kaila Alekena said...

Este capítulo é pra mim o mais esperado... assim como Cristian, eu li e reli o email, e li de novo e de novo... ele desnuda sua alma, ela se comunica sem reserva, o que falar da troca sexy de pequenas mensagens que fazem um reboliço até nos meus hormônios? É Cristian Grey só me resta um banho frio nesse momento...

Anonymous said...

Nossa esse capitulo é tão mais intenso na versão do Christian! Amei esse cap e o Dr.Flynn falando sobre o amor que tudo!

Daniela Martins said...

Oi, Emine!
Boa noite!
Estou caindo de sono, mas nao consigo largar o computador, deixar de ler este POV e ir dormir! Estou viciada! Perdendo a conta de quantas vezes ja li seu blog!
Este capitulo é maravilhoso! Vc conseguiu nos mostrar o que Christian sente. No fundo penso que ele sabe que ama Ana, porém, tem medo de admitir!
Obrigada sempre por esse blog, Emine.Bjkas
Dani

Priscila Pessotto said...

Olá girls!
Você que está começando a ler o blog agora ou que já é leitora, agora a Série Pella disponível aqui no blog foi publicada em livro – ECOS NA ETERNIDADE- e em português.
A Emine Fougner colocou a versão em português do Ecos na Eternidade na Amazon, apenas esta semana, por apenas R$ 3,94. Corram para aproveitar o preço porque na próxima semana voltará ao preço normal.
É só acessar a pagina da amazon: www.amazon.com.br.
Vamos aproveitar!
Beijos,
Pry